Supernatural: Like A Virgin (06×12)

Eu confesso que a cena de Dean tentando arrancar a tal espada foi a minha preferida em todo o episódio! E ainda fiquei surpresa da espada ter se soltado, achei que o Sam ia ser o bravo cavaleiro, obrigada aos roteiristas por terem me poupado do clichê, até porque sou muito mais Dean como guerreiro de bom coração.

E o Sam? De alma nova, de novo, voltou a ter aquele olhar perdido (de paspalho?) dele, todo bom coração. E como eu adoro o Jensen! Sério! A cara dele de felicidade por ter o velho irmão de volta, o cuidado dele. Tudo isso você conseguia ver… Assim como você conseguia ver que a coisa não ia acabar bem e que Sam descobriria a verdade – enganando um anjo.

Ao que parece o episódio serviu para lançar uma nova trama, uma nova mitologia. Mas confesso que não entendi direito essa história de “monstrolândia” e fiquei com medo… Porque uma história dessas, vamos combinar, ou resulta em algo muito legal ou em uma bomba muito grande, sempre com mais chances de ser uma bomba bem grande.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

2 Comentários


  1. Adorei o post, sou nova por aqui, mas desde já amei… Achei por acaso procurando novos seriados de comédia.

    E como você também sou muito mais o Dean como guerreiro de bom coração, ele é demais.. Adooroo o jeiito dele, muito bom. E que bom que achei alguém com a mesma opinião que eu, pois a amiga que acompanha comigo é gamada no Sam, então são horas de discussões entre nós duas. rsrs

    Vou continuar acompanhando aqui sempre que der..

    Mas parabéns, adorei!

    Responder

Deixe uma resposta