Scorpion: True Colors (1×06)

Quem acho esse episódio com todo jeitão de White Collar levanta a mão!!! Ah, sim, e como brinde ainda tivemos a Hetty de NCIS: Los Angeles, que sempre me lembra da estilista de heróis de Os Incríveis. Como eu não ia gostar? Como

Além disso o episódio foi divertido, já começou com uma explosão e ainda teve climão entre o Walter e a Paige. Ah, sim, e terminou com cena fofo do pessoal vestindo Raph de cérebro – hummm, eu teria escolhido outra fantasia, mas tudo bem, o que importa é a intenção.

E portanto eu até perdoo o fato deles terem colocado a equipe de novo sob o microscópio em tão pouco tempo, dessa vez de uma psicóloga que deveria dizer se eles juntos não são um perigo para a sociedade.

E perdoo, também, porque ela serviu para que os gênios falassem sobre o fato de que, na verdade, eles só funcionam de verdade juntos. E sim, eles são uma família. Pode parecer brega, pode parecer piegas, mas eu acho muito legal porque no caso deles esse apoio é muito importante.

É complicado ser tão diferente e demorar um tempão para encontrar pessoas que te aceitam do jeitinho estranho que você é.

Scorpion True Colors 1x06 s01e06 paige toby walter

Ah, e a explosão? Confesso que fiquei feliz da vida de ver que eles haviam arquitetado o plano todo de maneira a devolver o quadro aos verdadeiros donos! E mais ainda porque o Caleb sabe que eles fizeram isso – acho que isso e o momento em que Walter e Paige estão dançando para copiar o tal arquivo foram os dois momentos que mais me remeteram a White Collar, que eu adoro.

P.S. Toby querendo analisar a analista. <3

P.S. do P.S. Não sei se gostei mais do Sylvester louco por conta da fábrica de brinquedos ou dizendo que a estante da psicóloga iria cair por conta de um terremoto.

 

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

2 Comentários


  1. eu não fazia ideia que eu iria gosta tanto da série, nem dava nada por ela, comecei sem expectativa nenhuma e agora termino cada episódio com um sentimento bom no coração

    quando eu vi o nome da Linda Hunt nos créditos nem imaginava que era a Hetty que iria aparecer, fiquei super empolgada pois nem sabia que iria acontecer um crossover – adoro crossovers – e logo me veio a esperança de um dia ver Abbs / McGee / DiNozzo e quem sabe Gibbs ou o Duck …. hehehehehehheh

    Responder

  2. Adorei a participação da Hety, pois gosto muito de NCIS:Los Angeles.
    A turma do Walter, me lembra as crianças do filme Os Batutinhas, aquelas crianças meio atrapalhadas e engraçadas, que se juntam pra resolver os problemas. Muito fofo.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *