Criminal Minds: A Badge and a Gun (11×15)

Criminal Minds Badge Gun 11x15 s11e15

“A escuridão sempre mente.” – Anthony Liccione

Eu sei, eu também me sinto da mesma forma: para que falar do assassino dessa noite se o que nós todos realmente queremos é dar uma surra nos caras que pegaram o Derek, não é verdade?

Mas teremos de ter paciência – alguns mais que outros, já que alguns sabem o que tudo isso significa porque não resistem a uma notícia sobre a série favorita – e esperar até amanhã para ver como é que o pessoal da equipe conseguirá descobrir quem são aqueles três homens e porque eles sequestraram Derek.

No caso da noite temos um assassino se passando por agente do FBI para matar suas vítimas. Logo na primeira cena dele – interpretado pelo querido Carmine Giovinazzo – eu pensei: quem sai convidando para entrar em seu apartamento um homem só porque ele diz que é da polícia? Pois bem, neste caso ele não somente tinha um distintivo verdadeiro para mostrar como escolhia a dedo onde tentar entrar, regiões abaladas por crimes recentes aonde seria normal a visita de um agente.

A primeira desconfiança da equipe é que seria realmente um agente e eu fico imaginando o quanto é desagradável desconfiar de colegas que deveriam defender a lei ao seu lado, então foi com alívio geral que descobriram que era na verdade um bandido que um agente já aposentado tentará ajudar.

Depois de um ambicioso plano para pegar o bandido, afinal fingir o crime e cobrir toda uma região da cidade para evitar uma nova vítima não seria fácil, o assassino foi mais rápido que o policial que o abordou e colocou a todos naquela situação impossível em que todos estão tensos demais segurando armas.

Foi JJ quem apelou para o evento traumático do rapaz na juventude para desestabilizá-lo e conseguir encerrar o assunto. Devo dizer que gostei demais disso, eu não tinha pensando em usar o evento e a JJ foi a melhor pessoa a fazê-lo, já que ele havia sido diminuído por garotas como ela – bonitas.

O episódio foi bem redondinho, saindo do padrão que eu identifiquei nos últimos episódios… Só para nos entregar aquele final nervoso. Eu já estava quase ligando para o Hotch, viu?

P.S. Danni Glover faz participação especial no próximo episódio como pai do Derek. Acho que a coisa vai ficar realmente complicada.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

1 comentário


  1. Sempre fiquei pensando… Como é possível saber se um distintivo do FBI é falso ou verdadeiro se as pessoas nunca viram de perto e se o que conhecem são os mostrados pela televisão e com certeza são falsos?

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *