Forever: New York Kids (1×07)

Uma pena que um episódio tão bom de Forever acabe ficando devendo por conta da sensação de dejá vú. Sim, essa história de grupo de amigos comemorando a formatura e que acabam matando alguém e depois um se arrepende e acaba morto já teve tantas versões que fica realmente difícil fazer algo novo – melhor definição de tirar água de pedra que eu vi foi esse episódio.

Sim, pelo menos o culpado da morte do médico perfeito não foi morto pela ex-namorada do mau. Uma surpresa em meio ao previsível.

Diga-se de passagem eu em nenhum momento desconfiei do dono do posto de gasolina, santo Henry para ver o tal boné na foto, lembrar do posto, pensar na tal associação para a qual o cara mandava dinheiro todo o mês e conseguir ligar tudo.

Do outro lado, foi bem legal ver um pouco do passado do Abe. Não deve ter sido fácil mesmo crescer em uma casa com um pai médico e uma mãe enfermeira, mas isso vira fichinha quando se descobre que o pai nunca morre, não é mesmo?

Forever: New York Kids 1x07 abe henry

P.S. Olha, a Jo logo logo descobre o segredo do Henry, viu?

P.S. do P.S. Confesso, é impossível não pensar em Castle quando vejo Jo e Henry na cena do crime.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta