CSI: Last Supper (14×4)

Já admiti que fico aí imaginando crossovers malucos de nossas séries queridas, mas eu juro que nunca pensei em um crossover de Top Chef com CSI. Simplesmente porque minha mente não estava preparada para um prato feito com carne humana para o cardápio da noite. A sua estava?

csi last supper 14x4 s14e04

A cara da moça já dizia tudo, não é mesmo? E mal sabia ela que se tratava do olho do homem que a tinha estuprado na véspera da gravação de Elite Chef, versão CSI do reality citado lá no começo e que a gente adora – Finn foi bem feliz em dizer que não resistimos a comida bonita feita por gente bonita.

O que eu mais gostei é que não passamos pela tortura de vermos um monte de suspeitos sem sentido passando pela tela – com exceção do primeiro crítico, eu sei, mas eles precisavam justificar a participação especial, né? – apenas nos desviando da história verdadeira. Ao invés disso os roteiristas apostaram, acertadamente, em explorar um único caminho e, com isso, descobriram não só o estupro da colega de competição como o passado bem sombrio dos dois competidores.

Na verdade, se eu fosse eles eu bem ia estranhar esse convite “duplo” para o reality show, não é verdade?

De fundo para a história fomos vendo a aproximação e final do casamento de Hodgins com Elisabetta. Apesar de sofrer com os dois, porque você percebe claramente que eles se gostam muito, era óbvio que essa história não iria muito longe. Sim, eu sei, os opostos se atraem, mas ainda acho que são os semelhantes que se entendem.

E agora eu posso voltar a torcer para que ele fique com a Morgan (para a loucura de quem torce para que ela fique com o Greg).

P.S. Primeiro episódio sem Nick, para piorar Sarah também não deu as caras e, por mais que a gente esteja curtindo a fase pós DB, eu sinto falta das caras antigas. Além disso, falar verdades sobre casamento pro Hodgins me parecia mais missão para alguém mais antigo de casa do que para a Finn, não é verdade?

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

3 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *