Scandal: Sweet Baby (1×01)

Eu gostei de Grey’s Anatomy logo de cara. Private Practice trazia Addison e eu a adorava, então foi fácil gostar do primeiro episódio também. Nos dois casos eu tinha certeza de que continuaria a assistir as séries a partir dali. Eventualmente abandonei Private Practice para retomá-la mais a frente, boa parte por culpa da Addison de Grey’s me parecer outra pessoa em sua nova casa.

Scandal Sweet Baby (1x01)

Scandal? Se eu vou continuar a assistir a série? Bom, esse é um grande senão para mim. Se dependesse só do piloto com certeza não. Então se eu vou insistir é só porque tem muita gente falando que a série melhora muito. Além disso, a primeira temporada só tem 7 episódios e está estreando quando boa parte das séries a que assisto já entrou de férias, então vamos arriscar.

Os grandes problemas de Scandal para mim neste piloto: não gostei da protagonista, achei horrível terem colocado a moça como amante do presidente, essa história de gladiadores de terno me irritou, a ruivinha caída pelo brotha sem que ninguém perceba idem (não esperem que eu saiba o nome de ninguém a esta altura) e até aqui nada do que apresentaram foi especialmente novo.

Por exemplo, se apresentá-la como o grande amor da vida do presidente deveria ganhar nosso coração, o sacrifício dela ter se afastado, afinal ele é o presidente e ele é casado, colocá-lo tendo caso com uma estagiária e dando um cachorro para a moça não ajudou nesse intento. Além disso, isso pareceu distração para aquela que deveria ser a história central: a moça resolve problemas. Sua fama de leoa não é à toa e outros clichês do tipo.

Outra tentativa falha tem a ver com a nova funcionária da protagonista: ela deveria ser nossa ponte na equipe? Através da confusão dela nós, os telespectadores, deveríamos entender que raio essa equipe faz ao final? Pois a única coisa que eu consegui entender é que ela não sabia realmente o que queria. E continua não sabendo, apesar da afirmação de que ela sonhava em trabalhar com a Olivia – tá, da protagonista eu guardei o nome.

Um ponto positivo são os diálogos rápidos, ninguém perde tempo por aqui explicando muito e eu sou uma fã confessa de boas tiradas, e o primeiro caso de que a equipe cuidou. Quer dizer, eu poderia ter gostado mais do primeiro caso se a gente não tivesse perdido algum tempo com a amante do presidente, certo? Ah, sim, o pior foi Olívia ameaçando o presidente ao final porque agora a loirinha (a Paris de Gilmore Girls ou “aquela que esfaqueou Carter” em ER) é cliente dela.

Tem que melhorar muito para eu continuar assistindo, visse?

 

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

9 Comentários


  1. Concordo em tudo com você.
    Foi decepcionante e achei que a protagonista, além de feia, não me convenceu.

    Responder

  2. Concordo em tudo com você.(2)
    Protagonista sem carisma nenhum, me lembra a Megan, a chefe dela e a policial que não lembro o nome de Body of Proof. Todas chatas.

    Responder

  3. agora como fica o Hochtner pois a sua namorada agora é esposa do presidente ???? …. hehehehehehehe

    concordo Simone, tenho muitas séries mas o que me levou a ver Scandal foi o número grande de elogios / o número reduzido de episódios (será que a Sony irá emendar a 2a. temp ? ) e as minhas séries estarem acabando …. vamos adiante pra ver no que dá, se pra mim será a 3a. série da Shonda que abandono ou não

    Responder

  4. Esqueci de ver o episódio desta semana, então não sei se melhorou… Mas concordo em tudo com a resenha… Só lembro o nome da protagonista porque é o nome da minha gata! 😀

    Responder

  5. Resolvi ver por causa da reportagem elogiosa na revista “Veja” desta semana. Confesso que não achei tudo isso, mas muitos disseram que melhora.
    Ao contrário de você, tanta rapidez não me agradou. Os personagens estão sempre falando rápido, correndo de um lado para outro. Tudo vertiginoso demais para meu gosto. É claro, como primeiro episódio, não pode ficar perdendo tempo, mas espero que o ritmo diminua.
    Quanto a protagonista, não a achei feia, como disseram no post acima, mas falta carisma e aquela franjona dividida precisa melhorar.
    Quer dizer que ela abandona do emprego porque está apaixonada pelo “Mr. President” e ele, logo no primeiro episódio arruma outra amante? Como vamos torcer por esta paixão proibida com uma revelação assim logo de cara?

    Responder

    1. Oi Ivonete, eu não tive problemas com a rapidez, mas achei engraçado que todo mundo tem de falar, vc percebeu? Tipo, cada membro da equipe fala uma parte da frase e a Olivia encerra.

      A franja me irrita muito, vontade de assistir segurando uma tesoura na mão!

      Responder

  6. Eu estou gostando de Scandal. Gosto do ritmo, e diferente de vocês acho a atriz (não tenho certeza, mas acho que o nome é Kerry Washington) está ótima como Olívia.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *