The Following: The End is Near (1×14)

Apenas mais um episódio e, mesmo fascinada por Joe, é demais ver o desespero que tomou conta do grande assassino, ainda que seus planos continuem sendo conduzidos com cuidado. É claro que nada é fácil o bastante em The Following, mas a questão é que Joe não terá o final que sonhou, mesmo que consiga fugir hoje a noite.

The Following: The End is Near (1x14)

Além do que, se acaba Joe, acaba a série e ainda temos uma temporada inteira pela frente no ano que vem, não é mesmo?

Momento mais aflitivo? As luzes apagadas naquele estádio. Quando Anabelle cita o livro minha mente foi para o estádio antes que a de Ryan ou Parker, mas eu não poderia imaginar o terror das luzes apagadas e aquele bando de assassinos com machados e facas nas mãos.

Mas o episódio todo foi um apanhado de aflições: a gente sabendo que quando Vicky abrisse aquela porta Emma e Jacob apareceriam; a gente sabendo que aqueles dois policiais acabariam mortos; Claire enfiando aquele garfo na barriga de Joe; Emma matando Jacob, apesar de eu ficar aflita antes, com ele falando e eu esperando por ela fazer justamente isso; e, finalmente, Parker sendo enterrada viva (eu jamais vou encarar um personagem sendo enterrado vivo da mesma forma depois de Nick em CSI).

Um episódio eletrizante, bom de ver, fácil de relembrar e que, ao que parece, nos garante um final de temporada daqueles, não é mesmo?

P.S. Todos querem morrer pela causa, até o momento em que a morte tá na cara, néam? Adorei Ryan apertando o pescoço da loirinha!

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

5 Comentários


  1. que pesadelo foi ver todos aqueles psicopatas juntos no ginásio CREDO !!!

    ver qq personagem ser enterrado vivo nunca irá superar o Nick em CSI

    me preparando psicologicamente para ver a finale hoje, muito xingamento e unhas sendo roídas …

    Responder

  2. Eu gosto da série, no entanto ando com saudades de Homeland, pois acho em termos de suspense é muito melhor.

    Responder

    1. Oi Andréa, eu tento não comparar as séries, porque cada uma funciona para mim de um jeito. Eu gosto de Following porque eles foram felizes demais na escolha dos nêmesis: Ryan versus Joe é uma batalha deliciosa.

      Em Homeland, além do meu amor eterno por Damien, você tem questões muito mais próximas da realidade, da questão do terrorismo, do patriotismo. A questão da instabilidade do personagem de Damien, a construção do seu drama.

      Responder

Deixe uma resposta