Grey’s Anatomy: None of Your Business (13×12)

None of Your Business não foi a pior coisa que nos aconteceu neste ano em Grey’s Anatomy. Ele marca o final do drama desnecessário para o Alex médico, aquele que vimos crescer, amadurecer, mudar. Que pegou de volta seu lugar na cirurgia.

Não acho que isto encerre os problemas da temporada, o que é uma pena, mas acho que isso resolve a parte que vinha sendo mais dolorida para mim – o personagem e seus fãs não mereciam ser usados da forma que foram “apenas pelo drama”.

Se Alex começa a se acertar, Maggie parece ser a próxima a ser tragada após o diagnóstico de sua mãe. E de novo os roteiristas escolheram o jeito mais difícil, não é mesmo? Maggie brigando com a mãe sem saber da doença, praticamente colocando sua mãe para fora de casa, não sendo grata pela presença dela… Dúvidas de que ela se sentirá muito pior quando souber de tudo?

Definitivamente esse pessoal que escreve a série nunca ouviu falar em diálogo em sua vida – e não sou só eu que acho isso, comprovado quando Deluca fala para Alex que ele só precisava ter pedido desculpas antes e nada disso teria acontecido.

No hospital as coisas também ficaram bem confusas com relação ao que teria acontecido com Alex e eu nunca gostei tanto do Ben!!! Ele já superou o fato do pessoal ficar olhando torto para o fato dele ser o marido da chefe do hospital e está levando tudo de forma mais leve.

Do outro lado não gostei nada nada da suspensão da Meredith. Bailey está perdendo o controle das coisas e essa história de suspender Mer não é pelo que ela fez, mas uma forma de alertar os outros de que ninguém está a salvo, não é verdade?

E, falando em ninguém a salvo: a bruxa está de volta a cidade. E com isso quero dizer que Catherine chegou e algo me diz que o Richard vai juntar os pontos e descobrir que o de menos é sua aluna querer colocá-lo fora de sua função, mas a própria esposa…

P.S. Quão fofo foi a Meredith falando que queria que a mãe de Maggie mudasse para a casa? Eu também amei a mãe de Maggie, demais!!!

 

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *