Chicago PD: Never Forget I Love You (3×09)

Se ontem eu disse que anos de seriados policiais acabam fazendo com que as coisas fiquem um tanto óbvias, Chicago PD chega para provar que ainda é possível me surpreender e entregou um bom episódio antes das férias.

A grande verdade é que se os roteiristas fossem óbvios o culpado da noite seria o grande mafioso com quem Hank tinha uma certa “amizade”. Alguns diriam que isso seria adequado para o episódio que finaliza a primeira parte da temporada, outros ainda diriam que teria sido um episódio e tanto.

Só que a verdade é que mafiosos só são quem são porque fazem tudo muito direitinho e tem uma cadeia de pessoas para garantir que ninguém os peguem e em apenas 40 minutos mandar um desses da cadeia porque ele teria matado a moça com quem tinha um caso seria simplista demais.

Precisamos lembrar que nessa mesmo Chicago foi preciso a receita federal pegar o último grande mafioso simplesmente porque nem o FBI conseguia.

Então sacaram a carta do advogado e, gente, que carta bem sacada. Ao olharmos para ele só víamos o intermediário que queria impedir que o mafioso caísse, só que era na verdade um cara que resolveu também tirar vantagem desse sistema de culpa de inocência que tinha ajudado a criar.

Numa boa: odiei bem mais o cara do que o mafioso.

E descobrir o culpado não foi o último ato: vemos uma Erin inconformada dele sair livre, já que eles tinham apenas um vídeo dele e a menina juntos e mais nada. Mas olhamos para Voight e sabíamos que ele tinha uma carta na manga.

Não uma carta certa? Ele usou do poder paralelo para que o culpado fosse realmente punido? Sim. Podemos dizer que ele estava totalmente errado? Não.

E por isso não é fácil defender Voight, porque você realmente precisa conhecer os sapatos que ele calça todo o dia antes de ir julgando certo e errado.

O gancho para o ano que vem, então, ficou a cargo da trama envolvendo Roman e a mãe do garoto que ele ajudou nos episódios anteriores. Todos nós já sabíamos que isso não ia acabar bem, começando pela Burgess, só não podíamos era imaginar que Roman pode acabar perdendo mais que seu distintivo nessa história.

Ele realmente viu uma arma na mão do cara? Ele estava nervoso? A única certeza é de que não devia ser ela a perseguir o cara depois que o canalha surrou a ex-esposa.

Chicago PD Never Forget I Love You 3x09 s03e09 Burgess

Pelo menos a Burgess ligou pra pessoa certa…

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta