Bones: The But In The Joke (8×08)

Um episódio trágico. Se não fosse cômico. Mais uma amostra de que o pessoal em Bones, quando quer, sabe bem o que faz.

Bones: The But In The Joke (8x08)

Sim, cômico. Eu ri do Michelangelo com Steve Martin, eu ri com a pasta de amendoin, eu ri com Fisher e Sweets, ri demais do Zed doidão. Mas ri mesmo, com gosto, do Booth engraçadinho, até porque me lembrou muito um episódio de Angel em que ela encerra cantando Raindrops Keep Falling, sabem? David leva muito jeito para comédia e fazia tempo que Bones não investia tanto no assunto – e Bones e Castle são as melhores quando fazem isso.

Além disso, fazia tempo que eles não conseguiam colocar todo mundo em cena mais ou menos em mesma medida. Tudo bem que isso significou, sei lá, 3 minutos pra cada, mas acabou que todos tiveram frases de menos ou mais efeito, ou beijos, né? Eu não sabia se era melhor a cara do Zed quando Angela o beija ou a cara do Hodgins quando fica sabendo do beijo.

E Fisher analisando Os Três Patetas? Fiquei bem curiosa de tentar sem som para comprovar se fica mais violento. Independentemente disso eu nunca mais conseguirei olhar para as brincadeiras físicas da mesma forma – o que ainda é melhor do que rir de mortes mórbidas por causa disso como é o caso do Fisher.

E a vítima? Bom, acho que esse foi o maior fraco do episódio: deram voltas demais. Além de aparecerem tantos suspeitos falhos eu achei meio fraco o fato o moço matar o comediante porque este estava indo embora para Nova Iorque. Ele tinha que estar bem infeliz mesmo para fazer uma coisa dessa.

Ah, morto com uma privada: duvido que qualquer série policial já tenha usado uma privada como arma do crime. Du-vi-do!

Bones: The But In The Joke (8x08)

P.S. Impossível escolher qual dos dois ficou melhor com a flecha na cabeça, então escolhi os dois.

P.S. do P.S. Booth explicando para o Sweets como eles normalmente resolvem os casos “a gente vai até lá, conversa com umas pessoas, Bones vê alguém mancando como a piada faz referência e, bum, resolvido!”

 

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

1 comentário


  1. Simone eu não gostei muito deste episódio esse também foi gravado durante a sétima temporada. Este episódio só confirmou o quanto Hodgins é um marido maravilhoso porque se fosse outro tipo de homem teria surtado com a esposa por ter beijado outro cara e por sinal achei um absurdo o que a Angela fez! Se fosse ao contrário ela teria ficado com raiva dele. O Fisher me surpreendeu positivamente eu nunca tinha imaginado que ele era comediante.

    Responder

Deixe uma resposta