Cinema: Com Amor, Van Gogh: O Sonho Impossível

Como já falamos por aqui, os produtos culturais e seus artistas, quando relevantes, são cíclicos. Há tempos, Van Gogh vem sendo reverenciado e revisitado em toda sua vida e obra, principalmente no cinema. Entre 2018 e 2019, para citar um ciclo mais recente, tivemos alguns vários títulos prestando homenagem ao pintor holandês – uma reverência mais do que justa e merecida.

unnamedEntre esses títulos, em 2018 tivemos a animação Com Amor, Van Gogh, um trabalho meticuloso e obra prima por si só, trazendo quadros do pintor ganhando vida por meio da tecnologia. O filme foi o primeiro longa-metragem de animação da história do cinema feito completamente com pinturas, sendo indicado ao Oscar e ao Globo de Ouro de Melhor Animação naquele ano.

Agora em 2020, e dando continuidade ao ciclo de homenagens à Van Gogh, surge o documentário deste filme, o incrível Com Amor, Van Gogh: O Sonho Impossível.

Com uma narrativa objetiva, o doc traz depoimento dos profissionais que fizeram o filme acontecer. E não foi fácil: entre inúmeras dificuldades financeiras, falta de “mão-de-obra” e prazos estourados, a diretora polonesa Dorota Kobiela nos conta sobre sua Tour de Force de inacreditáveis 5 anos para produzir e levar ao público este que foi o seu primeiro (e mais ambicioso) projeto cinematográfico.

Nessa jornada, foram dezenas de milhares de quadros pintados para se tornarem segundos de vídeo na telona, tudo sendo produzido frame a frame e envolvendo a dedicação quase integral de todos as centenas de pintores envolvidos.

Como documento de uma jornada de criação, Com Amor, Van Gogh: O Sonho Impossível se basta como uma excelente oportunidade para que a gente aprenda mais sobre processo criativo, produção e a correria que é fazer um projeto acontecer. Indo além, no que tange aos sonhos, o documentário é um presente que nos dá a chance de renovar nosso otimismo e nossa vontade de realizar.

De uma maneira que jamais imaginou, Van Gogh segue até hoje inspirando e ensinando, seja por sua arte, seja pela maneira que ela é absorvida e se expande por meio do trabalho de outros artistas que a usam como combustível, como Dorota Kobiela e seu time fez.

COM AMOR, VAN GOGH: O SONHO IMPOSSÍVEL
POLÔNIA | 2019 | 60 minutos | Documentário
Título original: Loving Vincent: The Impossible Dream
Direção: Miki Wecel
Roteiro:  Hugh Welchman
Distribuição: Elite Filmes
Produção: Breakthru Films

Com distribuição Elite Filmes, Com Amor, Van Gogh: O Sonho Impossível chega ao cinemas brasileiros no dia 30 de janeiro.

  • Em tempo: se você ainda não assistiu, o filme Com Amor, Van Gogh está disponível por streaming nas plataformas Netflix e Google Play!

Escrito por Tati Lopatiuk

Tati Lopatiuk é redatora e escritora em São Paulo. Gosta de romances em seriados, filmes, livros e na vida. Suas séries favoritas são Gossip Girl e Breaking Bad. Pois é.

Seus livros estão na Amazon e seus textos estão no Medium.

Deixe uma resposta