Cinema: Querido Menino

O que pode fazer um pai ao ver seu filho destruir a própria vida, lentamente, dia após dia? Até onde esse mesmo pai pode intervir, na tentativa de salvá-lo?

Com esse questionamento como âncora, Querido Menino chega aos cinemas no dia 21 de fevereiro, contando a história de um pai que vê seu filho ser devorado pelo vício em metanfetamina – e precisa aprender junto com o jovem a lidar com esse problema.

O filme é baseado em uma história real e tem como base do roteiro os livros de David Scheff e de Nic Sheff, pai e filho respectivamente, que passaram por essa montanha-russa emocional nos meados dos anos 90. David Scheff, um renomado jornalista, autor de entrevistas e artigos icônicos para a Rolling Stone americana, fez uso de todo o seu faro jornalístico para tentar entender de maneira prática as motivações que levaram seu filho, um rapaz inteligente, muito amado e com um futuro brilhante, abandonar perspectivas e relações, tudo por conta da droga.

Em Querido Menino, temos Steve Carell e Timothée Chalamet interpretando pai e filho e contando essa história tão dolorosa e forte. A narrativa não busca apontar culpados, mas sim mostrar o quanto devastadora pode ser essa jornada pelo vício e a busca de sua cura. Carell e Timo funcionam lindamente como pai e filho, entregando uma dinâmica de relacionamento que convence e cativa desde os primeiros meninos de tela.

É comovente ver o amor entre pai e filho e o quanto o pai faria tudo pela felicidade de seu querido menino. No entanto, em algum ponto, é preciso entender que uma pessoa só pode se curar se decidir isso por si mesma. Em Querido Menino, compreendemos essa lição, não sem lágrimas. Um filme pesado, bonito e que ajuda a entender como o amor pode ser maior que todas as dores. Ainda que custe algum sofrimento.

Exibido no Festival de Toronto e indicado ao Globo de Ouro (Melhor Ator Coadjuvante para Timothée Chalamet), o filme é produzido por Brad Pitt, Dede Gardner and Jeremy Kleiner. No elenco, temos ainda Maura Tierney, Amy Ryan e Timothy Hutton. Com direção de Felix Van Groeningen, Querido Menino estreia no Brasil em 21 de fevereiro. A distribuição é da Diamond Films.

Escrito por Tati Lopatiuk

Tati Lopatiuk é redatora e escritora em São Paulo. Gosta de romances em seriados, filmes, livros e na vida. Suas séries favoritas são Gossip Girl e Breaking Bad. Pois é.

Seus livros estão na Amazon e seus textos estão no Medium.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *