Supernatural: LOTUS (12×08)

Olaaarrrrr Mr.Ketch!!! A gente morrendo de medo do que o “super assassino dos Homens das Letras Britânicos” poderia ser e acabamos com esse elegante, queixo quadrado, matador, britânico, cheio de charme e com seu próprio aparato de armas sofisticadas, um nível acima dos Winchester – tudo bem que ele tem estudo e dinheiro enquanto os dois passaram a vida se virando.

Agora, tirando isso, todos nós precisamos admitir que apesar de ser um bom episódio, LOTUS acaba decepcionando – o nome do episódio é uma brincadeira com a forma como o presidente americano é tratado, POTUS,  que significa President Of The United States, adaptado para Lúcifer Of The United States – porque é corrido e encerra a trama de Lúcifer de forma bem estranha.

Isso se ela foi realmente encerrada, porque esse negócio da fumacinha descendo pelo ralo  não é garantia nenhuma de que ele voltou para a jaula, pelo menos para mim.

Além disso, cadê Mary? Em teoria a trama de Lúcifer era a trama mais importante dessa primeira parte da temporada (esse episódio foi o último exibido antes da pausa de fim de ano), mas o retorno dela faria parte disso e para mim ela deveria estar presente quando ele é derrotado. Resta torcer para que ela pelo menos venha salvar os meninos da cadeia.

Porque, gente, dessa vez eles se meteram em uma grande confusão e acabaram acusados de assassinar o presidente do país e ainda tem um filhote de Lúcifer por aí prestes a nascer.

Quanto a confusão dos dois: quantas falhas! Castiel sair com a garota ao invés de ficar e impedir que os dois acabassem presos, apagando a memória dos agentes federais, foi uma das piores ideias dos últimos tempos. Os dois ficarem ao lado do moço esperando que ele ficasse bem foi a segunda pior ideia.

Opção da noite: será que eles acabaram na cadeia por causa do Mr.Ketch? Porque aquela olhadela de rabo de olho que o agente federal deu para o Sam, sei lá, me pareceu muito estranha. E Mr.Ketch em teoria chegaria para neutralizar os irmãos, não era mesmo? Neste caso os dois foram trouxas no plano, mas foram enganados e a gente dá um desconto.

Melhor ideia do episódio: Lúcifer encarnando no presidente do país. Gente, que achado! E essa história poderia ter rendido tanto!! Ao invés disso vemos Lúcifer acabando em um motel porque a namorada disse que não poderia ter o bebê. Se ele foi esperto na escolha do receptáculo, bom, ele não manja nada de poder porque ele pode fazer filhos a qualquer hora, ele podia mandar os agentes buscar a moça no motel…. Errr, um presidente não iria para um motel de beira de estrada. Ponto.

P.S. Lúcifer no corpo do arcebispo: medo!

 

 

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *