The Catch: The Ringer (1×07)

A primeira temporada de The Catch tem apenas 10 episódios, então podemos dizer que estamos na reta final, não é mesmo? Ou, pelo menos, podemos dizer que The Ringer marca o início deste final – lembrando que até aqui não existiam sim ou nãos sobre a renovação da série que acabou acontecendo.

E essa marca veio no final dele, com Rhys confirmando que a nova fraqueza de Ben é Alice e com Margot, depois do irmão ter lhe contado esse segredinho, decidindo se passar por psicóloga para se aproximar de Alice. Ainda não sei se ela vai fazê-lo para conhecer melhor Alice e então dar cabo dela ou se ela quer saber o que a Alice sabe e então dar cabo dela. Minha única certeza é que ela quer dar um cabo dela: Margot não parece o tipo de mulher que gosta de perder e ela considera Ben sua propriedade.

The Catch The Ringer 1x07 s01e07

Este finalzinho, na verdade, foi a salvação do episódio que começou bem e depois ficou chato. Como pode, eu, tão animada com a chegada do Simms, já estava pronta pra dizer que até ele conseguiram escapar não fossem os últimos minutos.

E olha que eu estava animadíssima com o início, com toda essa história de poker, clima de Onze Homens e Um Segredo, o Reginald com aquele monte de anéis fazendo pose de melhor jogador. Tudo muito divertido!

Ai eles se perderam, como tem sido comum na série, dando um passo maior que a perna.

Erro cometido também com a Alice, que primeiro diz ao Ben que quer ajudá-lo a mudar de vida e depois se reúne com o agente Dao para dizer que quer pegar os chefões do crime. Dao que deve ser o agente mais cretino do FBI – se formou na mesma turma que o pessoal de The Following – porque era evidente para qualquer um que um cara sozinho não ia dar esse trabalho todo. Não ia querer dar esse trabalho todo, roubava e ia curtir a vida numa daquelas ilhas paradisíacas em que não faz frio como aqui.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

1 comentário


  1. Hahahaha agora FBI ruim é “The Following” ! The Catch, por ser de quem é, está devendo.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *