Supernatural: The Bad Seed (11×03)

Supernatural Viral 11x03 s11e03

Um anjo e um demônio entram em um bar… Desculpem, não resisti a piada sem graça que todo mundo deve ter pensado quando os dois aí da foto começam a discutir o estado atual das coisas no mundo.

Ao que parece a volta da Escuridão tem sido mantido em segredo pelos altos escalões para não criar pânico desnecessário e, desta forma, é exatamente pânico que está sendo criado.

E eu também não chamaria de desnecessário, afinal Amara está em pleno desenvolvimento, com cada vez mais fome de almas e, imagino, criando força. Se foi engraçado vê-la se alimentando das babás ou lendo livros sobre Hitler, um dos ídolos do pessoal do andar debaixo,  como se fossem contos de fadas, fica claro que o domínio de Crowley sobre a guria não deve durar muito tempo.

Vale dizer que: eles escolheram apenas meninas lindas para o papel, todas capazes dos sorrisos inocentes mais assustadores que eu já vi.

Outro sinal de que a coisa deve ficar feia é o fato das tramas dos Winchesters estarem sendo resolvidas fácil demais: no episódio anterior foi a doença zumbi do Sam, hoje foi a vez de Rowema tirar a maldição de Castiel.

Se a bruxa escocesa deu um pouco de trabalho aos irmãos para ser pega, o que valeu muitas cenas divertidas no episódio, ela pelo menos cumpriu sua parteno acordo.

Só que ela continua com o livro dos condenados em mãos e algo me diz que vão precisar dele pra derrotar a garotinha de sorriso bonito…

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

1 comentário


  1. foi divertido de ver essa cena no bar, um anjo e um demônio de bate-papo sobre um dia de trabalho …. gente só Supernatural para nos brindar com isso !!!

    desde de Lilith que meninas lindas aparecem para nos assustar com esses sorrisos

    ver o rei do inferno é delícia !

    Responder

Deixe uma resposta