The Whispers: A Hollow Man (1×08)

Dizer para vocês: se minhas unhas estivessem longas ao assistir este episódio eu teria acabado com todas. E eu nem sei dizer o que me deixou mais aflita, afinal se a morte de Thomas foi uma cena de tirar o fôlego, aquela menina batendo na janela da Lena no posto de gasolina foi de ter pesadelos por uma semana. Uma semana.

Ela definitivamente é páreo duro para a Minx no departamento psicopatia.

E se o episódio foi assustador, em mesma medida ele foi o episódio que mais respostas nos trouxe, ganhando o posto de melhor episódio até aqui: os alienígenas não chegaram agora à Terra, mas a mais de trinta anos atrás; e Drill é o nome escolhido por eles para seu representante na Terra, mas o amigo de Minx não é o primeiro a usar crianças para conseguir o que quer.

O maior mérito do roteiro foi a perfeita sincronicidade entre a busca de Claire e Sean por Thomas, o rapaz que um dia matou seu irmão e que, nem podíamos imaginar, também conseguiu matar o primeiro Drill que chegou à Terra atraído por explosões nucleares, e a manipulação que o novo Drill conseguiu fazer com Minx e Lena.

Sério, eu teria deixado aquela menina cair do telhado, quem mandou ser trouxa – porque, vamos combinar, ela já viu que o Drill fez maldades e ainda assim acha que é de boas subir no telhado do segundo andar e fazer sua mãe jogar o jogo de seu melhor amigo.

E até o último minuto eu achei que Lena não seria capaz de cumprir a missão, que ela recuaria, mesmo sabendo que se ela não o fizesse as coisas ficariam fáceis demais, agora Claire e Sean vão ter que fuçar em toda aquela papelada espalhada no porão da casa para tentar encontrar a resposta que precisam.

Além disso, o conjunto da obra ao final não é dos melhores: Lena e Sean já era fugitivos, Wes agora perdeu seu emprego, Jessup foi contra as ordens que recebeu e Lena é uma assassina. Que quarteto para salvar nosso planeta, não é mesmo?

The Whispers A Hollow Man 1x08 s01e08 Sean Claire Thomas

P.S. Sean e Claire estão se reaproximando e eu gosto disso, para tristeza de Wes: eu acho que ele realmente a ama.

P.S. do P.S. Primeira vez que os sussurros do título da série são usados para se referir a forma como Drill fala com as crianças.

P.S. do P.S. do P.S. Eu sei que eles não tem com quem deixar Henry, só que a criança junto com eles só me deixa mais aflita. Quando chegaram à casa de Thomas eu não conseguia saber o que seria pior: deixá-lo no carro a mercê de Drill ou levá-lo junto sem saber o que encontrariam pela frente.

 

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

2 Comentários


  1. Tudo bem que levar junto pode ser perigoso, mas deixar uma criança daquela idade sózinha num carro, no meio de um lugar estranho, à noite, com uma tempestade?? Nem eu, adulta, ficaria sózinha num carro numa situação daquela.

    Responder

Deixe uma resposta