Grey’s Anatomy: When I Grow Up (11×18)

Olha, assistir a este episódio de Grey’s Anatomy já sabendo do futuro graças aos spoilers do dia seguinte foi uma das piores experiências que eu já tive com essa série e vocês sabem que, em se tratando de uma série da Shonda, os momentos ruins não são poucos.

E When I Grow Up foi um bom episódio. Mesmo. Foi quase um episódio evento e a Shonda conseguiu queimar essa fórmula pelo excesso de uso, mas foi um episódio com pequenos detalhes para a gente gostar.

Então sim, a história de todo mundo meio que desejando a morte do garoto que teria causado a morte dos dois irmãos policiais foi o centro, batido, do episódio e a emenda foi pior quando ele foi redimido pela verdade que um dos dois irmãos estava apenas tentando salvá-lo, mas eu prestei atenção mesmo ao Richard e nas crianças.

E no quão é absurdo uma médica como a Arizona ter dificuldades em explicar o que é um útero para um bando de crianças que, pelo tamanho, já deviam saber disso a muito, muito, tempo.

E no quão Derek voltou mudado. Na verdade o comportamento dele está bem adequado para quem passou um tempo longe e diz ter percebido que não consegue viver sua família. Além disso ele teve aquela cena linda com a menina que decidiu, depois de ver Meredith fazendo a cirurgia, que vai ser médica também.

Ele ganhou pontos extras por ter ido conversar com Amelia depois que tudo aconteceu, por deixar de lado sua conhecida e repetida arrogância e simplesmente perguntar o que ela estava sentindo. Porque, no final das contas, é a única coisa que qualquer um deve fazer ao ver um amigo/irmão/colega/conhecido sofrendo.

Grey's Anatomy 11x18 s11e18 Amelia Derek

E, pare aqui por que tem meio SPOILER, é terrível a Shonda fazer isso com a gente, fazer o Derek um cara melhor a esta altura do campeonato, pra acabar com a gente no episódio 21. FIM do SPOILER.

E, por causa do parágrafo anterior eu me recuso a falar sobre a Meredith e sua sensação de abençoada.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

4 Comentários


  1. Minha teoria é a de que ela fez a gente odiá-lo ao longo da temporada (e da passada também, se bem me lembro) pra preparar o caminho pra saída.

    O ator já tinha anunciado que queria sair, acho que anunciou na mesma época da Sandra Oh.

    Meu, que ridícula aquela cena da Arizona, né? Justo ela, que é descolada e acostumada a conversar com crianças por ser pediatra??? E médica, pelamordedeus! Nunca vi médico ter vergonha de explicar alguma coisa!

    Responder

    1. Então, eu preferia continuar odiando, por mim ele simplesmente tinha um caso e largava a Meredith, bem coerente com ele, inclusive, que estaria doído demais porque Meredith não largou tudo por ele. Aí ela vem e faz esse teatro todo de homem perfeito? Resolvi nem falar do episódio passado, já vi o de hoje e vou ver o 21. Depois falo de tudo de uma vez porque se não eu ia ficar repetindo isso.

      Responder

  2. Era apaixonada por Greys, porém qdo entraram os novos residentes dei uma abandonada na série, depois retomei. No entanto esse rumo que a série vai tomar daqui uns dias me decepcionou mto. Vamos ver como tdo será conduzido.

    Responder

    1. Olha, assistir a estes episódios tem sido uma tortura, até desisti de falar do da semana passada, vou esperar a trama do Derek se completar e falo tudo de uma vez.

      Responder

Deixe uma resposta