The Following: Fly Away (2×6)

Puta episódio bom! Ops, desculpem a falta de tato. Só que eu não encontrei palavra melhor para descrever como me sentia ao final de um episódio eletrizante, cheio de reviravoltas e ótimos diálogos. Anotei várias frases pra levar para a vida, sabe como é?

joe carroll i know

joe carroll fan of boy

Como eu tinha dito, a união de Lily e Joe era sujeita a trovoadas, afinal não funciona muito bem isso de dois chefes para um bando de bandidos só. O que eu não imaginava é que a virada viesse tão rápido e por um motivo tão prosaico como “viver na Venezuela perto da praia”. Poxa, Lily, eu esperava mais instinto assassino da sua parte!

Bom, acho que vou ver o instinto assassino que estava querendo logo logo, porque a moça perdeu dois de seus filhos – todas as frases de Joe sobre a família dela foram excelentes! – e ainda foi obrigada a ouvir que Joe, bem, não estava nem aí. Pior, né: ele disse que nunca foi fã do Luke mesmo.

Quem está mais feliz que pinto no lixo – nunca entendia expressão, acho que porco seria mais adequado, mas… – é a Emma que ganhou seu Joe lindinho de volta e viu a loira fatal dançar, bonito.

Quem não está lá muito feliz é o pessoal do FBI: chegam atrasado a tudo. Ryan também não está feliz, porque afinal Joe ficou sabendo que eles estavam próximos e conseguiu fugir, mas ele ainda conseguiu mais que o FBI: acertou dois no time inimigo (o Luke foi o Mike, mas é no time dele), encontrou a casa de Lily com a legião de malucos e ainda teve a confirmação de que Joe está vivo.

E agora são ele, Mike e Max contra o grande inimigo. Não que a temporada até aqui não tenha sido boa, pelo contrário, mas eu fiquei com aquela sensação é de que agora que a gente vai ver ação de verdade e, finalmente, o combate entre nossos queridos.

Diga-se de passagem, Ryan e Mike funcionam bem melhor que Ryan e Max, é só pensar nos dois no motel pegando Luke para concluir isso. Mas eu acho que rola um amor e uma cabana pro Mike e Max qualquer dia desses – até porque o namorado dela sumiu no meio de tanto acontecimento.

joe carroll dramma queen

P.S. Joe admitindo que não é um bom escritor: deixando os erros do passado ficam pra trás, afinal bom assassino ele é, né?

P.S. do P.S. Joe falando que Lily é “meio uma rainha do drama, não é”, sem preço.

P.S. do P.S. do P.S. Bom, toda fuga do Joe foi excelente, da casa às cenas finais no carro.

P.S. do P.S. do P.S. do P.S. Louca para ver a cara da “nova chefe” do FBI quando souber que, bem, o vazamento é ela.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

6 Comentários


  1. mas qual é o problema da Max ? é sempre ela que aponta a arma para o Ryan e para o Mike todas as vezes que eles estão surtando-surrando os bandidos …. aff …. deixa eles soltar toda a raiva em cima destes bandidos pois eles fariam pior … ora bolas

    ainda não consigo entender o que fizeram com o problema cardíaco do Ryan …. acho que o Ryan deu uma voltinha lá em Marvel’s Agents of SHIELD e marcou consulta com o mesmo médico do Coulson … só pode

    esse vazamento no FBI é algo absurdo, então tudo que a chefe do FBI faz-ouve ela já bate lá pra a amiga ? caramba

    mas tirando esses fatos ranzinzas … o episódio foi muito bom, chega ser até curioso pois acabei torcendo pro Joe ferrar a Lily e ao mesmo tempo torcendo para Ryan chegar a tempo de pegar todo mundo …. é complicado essa vida de seriadora heheheheheh

    só não gostei de ter visto – assim que terminou o episódio – o promo para o próximo episódio … tirou um pouco a empolgação

    Responder

    1. Aponta arma e faz biquinho! Vontade de dar na cara dela! Acho que ela ainda tenta ser toda certinha, ainda que ela esteja ajudando ao tio, sabe?

      Louca para ver a cara da chefona lá descobrindo que ela é o vazamento! Louca!

      Olha, como acabei de falar sobre Haven, será que ele foi afetado por alguma perturbação? Ano passado era uma corridinha e já soltava os bofes pela boca, agora tá todo em forma. Lembrei da Megan em Body Of Proof, que também se curou miraculosamente…

      Não vi a promo, me deixe empolgada, hahahaha!

      Responder

  2. Fiz uma megamaratona de the following no domingo e simplesmente estou adorando esta temporada!!!! a fuga do Joe da casa da Lily foi excelente! Joe fazendo esses comentários foi tudo de bom! 😀

    Responder

  3. Incrível como a segunda temporada está melhor do que a primeira. Confesso que no final da primeira temporada quase desisti da série. Quem a próxima temporada de Hostages também nos surpreenda.

    Cleide adorei o seu comentário sobre Marvel’s Agents of SHIELD, porque vamos combinar, às vezes o Ryan parece mesmo super herói.

    Responder

    1. Hahahaha Hostages vai ter de virar outra série de qualquer jeito mesmo, não é?

      Todas querem saber como o Ryan ficou tão em forma!!!

      Responder

Deixe uma resposta