Scandal: Truth or Consequences (2×12)

Vejam só quanto um atentado contra o presidente pode agitar as coisas em Washigton: Quase-Kennedy quer o divórcio, Olivia-Papo ficou na cama, e os gladiadores dela tiveram que dançar miudinho para tentar consertar as coisas, sem muito tempo para processar o que acabar por descobrir sobre sua “ídola”. Espero mesmo para ver se continuarão tão fiéis assim após saberem sobre tamanho tropeço.

Scandal: Truth or Consequences (2x12)

O Quase-Divórcio de Quase-Kennedy acabou por render uma das melhores cenas do episódio, com Cyrus explicando como funciona a guarda compartilhada de Quase-Kennedy entre ele e Mellie. Se, de um lado, eu me divirto horrores com isso, acaba o pouco respeito que eu ainda tinha por esse presidente, a quem todo mundo trata como criança, que precisou de uma namorada iludida para colocá-lo no cargo e que vive no mundo de Once Upon A Time – a parte chata dele.

Espero que os números demonstrados por Cyrus sejam suficientes para que ele se toque do quão complicada a vida real é, apesar de eu achar que o momento meu bebê está nascendo e nós somos um time deva dar uma aliviada na sua vontade imediata de divórcio.

O que talvez empurre Olivia a aceitar o tal pedido de casamento. Que foi inesperado porque me parece óbvio demais para qualquer um, incluindo o pretendente, de que ela ama outra pessoa. Terrível ver alguém persistindo no erro, negando a verdade.

Finalmente: a verdade sobre Quinn. Sim, eu sei, ao longo da temporada já se vinha desenhando que a morte do namorado de Quinn tinha a ver com a mentira da eleição, mas foi nesse episódio que cada conclusão foi colocada em ordem cronológica e que nos permitiu entender melhor Olivia: ela é uma farsa.

Ela é alguém que faz um montão de coisa errada, mas precisa de “algum ato de bondade” para continuar se sentindo santa. Salvar Quinn  foi esse ato. Tentar salvar o promotor ou Hollys são atos da mesma natureza. E não, não vou dar um desconto só porque ela fez tudo que fez por amor.

P.S. Como eu disse: eu quero mesmo é saber como os tais gladiadores ficarão se sentindo agora.

P.S do P.S. Com  Hollys fora da jogada, quem irá parar o promotor e como? Confesso que em meu coração o que eu queria mesmo era a verdade jogada no ventilador e os roteiristas tirando uma boa história disso, mas eu e você sabemos que isso não vai acontecer.

 

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta