Damages: There’s A Whole Slew Of Ladies With Bad Things To Say About The Taliban (04×09)

Por essa Boorman não esperava, nem eu. Erickson não é tão bonzinho assim, ou melhor, não é tão menos ruim que ele e conseguiu chegar a tempo de pegar o menino antes que Patty. Nosso amigo também sabe brincar e sabe o que tem em mãos: pegou o menino a fim de garantir que Boorman não o entregue – apostando que o menino é realmente importante, possivelmente filho dele – e aceitou o acordo de Ellen, desde que Patty não assuma.

Seu erro: contar com a sorte no caso da morte de Sanchez, já que a operação não pode ser paralisada. A não ser que o amigo de Sanchez do lado de lá esteja tramando algo. Mas nós sabemos que as chances são minímas, além do que, Patty não vai largar o osso. Pedir a ela que largue o osso é fazer com que ela o abocanhe.

Particularmente eu não acho que todo o resto que rolou neste episódio tenha valido grande coisa. Porque eu nem lembrava do namorado da Ellen e porque o término dois me pareceu tão vazio, tão sem emoção – a não ser que ele morra ao sair do restaurante, como todo namorado da Ellen faz.

E tem a história do Michael, que já me falaram que vai ser importante. Então, óh, tô esperando.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta