Supernatural: You Can’t Handle The Truth (06×06)

E a verdade é que Sam se tornou uma pessoa incapaz de sentir. Simples assim. Simples demais. Irritei, heim!

O episódio foi ótimo, adorei o montão de gatos por todos os lados (caso alguém aqui ainda não saiba, sim, eu sou a louca dos gatos), adorei o fato de ser uma deusa que entrega a verdade, mesmo que isso leve a morte de quem desejou isso, o Castiel apareceu, Bobby contou que assiste a reality shows e ainda considera Tory Spelling uma moça talentosa. Foi daqueles episódios em que a gente não pisca para não perder nada e eu adoro episódios assim.

Eu apenas trocaria a história da deusa pela trombeta de Gabriel afinal, como já disse a vocês, acho que a Bíblia está recheada de boas histórias a serem exploradas – é uma outra mitologia, no final das contas.

Mas se fosse a tromba de gabriel não teríamos o momento verdade ou verdade da deusa com os dois garotos e nem saberíamos afinal o que se passa com Sam. A questão é: ainda não sabemos. Não acho que seja Lúcifer, mas pode ser o fato de Lúcifer ter estado em seu corpo.

Pensem comigo: anjos não tem sentimentos e agora Sam também não tem. Só fui pensar nisso depois de Dean dizer para Cas que ele era quase humano e que agora ele voltou a ser somente anjo. Seria uma explicação razoável e que me deixaria bem mais confortável.

Momento triste do episódio: Dean e Lisa. Acabou. Mas como assim? Os dois eram tão perfeitos um para o outro que eu não consigo me conformar, mesmo sabendo que, depois do ataque vampiro de Dean, existiam poucas chances para o relacionamento deles.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

6 Comentários


  1. Dean não foi feito para levar uma “apple pie life”, não tem jeito.
    Sam, um anjo? Do inferno ao céu assim, de uma hora pra outra? Pode ser… mas eu apostaria em algo pior, mais tenebroso.

    Responder

  2. enfim um episódio inédito pra mim com direito a Cass e Bobby de lambuja
    na minha humilde opinião ….. quando a história fica centrada nos problemas dos garotos Winchesters a coisa fica muito boa e o legal deste episódio é que não enrolou muito e o Sam confessa e então BUMMMM … o Dean tem a reação que todos esperavam

    os conflitos entre os dois irmãos é o que me fez apaixonar por esta série =)

    pois é Simone ….. snif snif ….. Lisa & Dean is gone =/
    putz grila ,mesmo sabendo que o Dean não foi feito para “apple pie life” ….. ele tem desejo de um dia poder se sossegar, agora é torcer para que isso mude pois a Lisa e o Ben são as únicas pessoas que chegam perto de ser uma família para o Dean …. e ele merece

    Sam não sente nada, vamos ver no que isso vai (apesar de tudo e de todos eu ainda gosto do personagem)

    Simone valeu pelo review e aguardando pelo próximo =D

    Responder

    1. Nossa Cleide, eu via o fim do episódio, mas não via ele parando de bater, fiquei até com pena em determinado momento.

      Não fosse pelo Ben, eu queria ver a Lisa entrando na luta também, sabe? Eu adoro os dois e torço para que se acertam no final.

      E o episódio seguinte foi bem bom tbm né?? Adorei saber que Crowley tá usando do poder de “rei do inferno”, adoro o irlandês!!! Logo mais tem o review.

      Responder

  3. amo o sobrenatural assisto todos os epidodios na warner
    adorei os comentarios principalmente sobre o dean q fala serio e um gato e o sam nem se fala

    Responder

  4. Falei Genteimmm… essa temporada esta sensacional…

    esse dilema da alma do SAM vem coisa bem pior… mas acreditem tudo sera contornado…eu acredito pelo menos…nao tem nada pareo pra estes brothers…

    ano q vem tem +…

    pra quem tem pressa tem on line…acho q ate o 9 episodio…

    bjos

    Responder

Deixe uma resposta