Maysa – Quando Fala O Coração (Capítulo 06)

maysaacidentemodificado

A espera pelo episódio foi um súplicio e, seja isso, seja o sono já que o episódio começou depois das onze da noite, ele nem foi tão bom, só engrenando no finalzinho. Do início fica a bela cena de Maysa se olhando no espelho após o acidente de carro que acabou por deixá-la com várias cicatrizes no rosto, a cena foi mais honeste com a angústia da cantora do que ela posando de forte após seu último show no Brasil. Maysa era uma mulher extremamente preocupada com sua aparência e as cicatrizes lhe afetaram bastante.

Aquele não foi um bom período para Maysa, apesar de significar seu primeiro sucesso com a Bossa Nova, com o lançamento do disto O Barquinho, produzido por Bôscoli. A pressão do casamento de André, o fim de seu relacionamento com Bôscoli, o acidente. Com tudo isso Maysa resolve passar um tempo fora do país, na Europa, a príncipio para descansar.

Em seu último show no Brasil ela ainda carrega as cicatrizes, antes de passar por uma cirurgia plástica no rosto e, que alguns especulam, no abdomem. No camarim ela receberia a visita de Bôscoli com sua nova namorada, que na série recebei o nome de Lisa, mas sabemos ser Elis Regina. Peço a ajuda da Tati agora, porque não lembro, se neste encontro Maysa foi tão carinhosa com Elis quanto mostrado na minissérie. Ela ainda devolve para Bôscoli o anel de noivado comprado por ele na Argentina e lhe pede que não magoe a garota (achei isso tão anti-Maysa).

barco1

Em Portugal Maysa é recebida como estrela. Devemos ainda mais admirar o sucesso da cantora, já que, em seu tempo, internet não existia, as transmissões de televisão eram restritas e o fato da cantora ser conhecida fora do país mostra sua força.  Inicialmente Maysa não pensa em se apresentar, mas ela não resiste aos apelos de Ana, que, eu imagino, pensava que Maysa acabaria por enlouquecer ser a música. Ela chega a falar com Jayme ao telefone, de quem nem ao menos se despediu antes de viajar, e fica muito triste. Mais uma vez suas memórias fazem com que Maysa viaje no tempo, relembrando a auto-entrevista que fez e na qual Bôscoli lhe disse que sua música sempre estaria acima da família e de seu filho.

A tristeza da Maysa no telefone não é pela saudade, mas pela constatação de que era essa a verdade: ela fez um último show, mas não se despediu da família.

O primeiro show de Maysa na Europa seria no Cassino Estoril em Lisboa, lugar onde a nata da sociedade da época só recebia as estrelas mais importantes. Mas o ponto mais importante de sua estada na cidade seria Miguel, com quem ela troca olhares em uma jantar em seu hotel, e com quem ela viria a se casar.

Após o show Maysa recebe a mais triste notícia de sua vida: André morre de um enfarte fulminante, com apenas 45 anos de idade. Maysa ainda volta ao palco, atendendo aos apelos do público, e canta a música preferida de André, após fazer a declaração de amor que, acredito eu, poderia ter salvo o casamento dos dois. Acho que Maysa nunca mais deixou de se sentir sozinha.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

9 Comentários


  1. Sabe o que eu achei estranho? Elis e Bôscoli se detestavam quando se conheceram até aonde sei. O casamento dos dois inclusive foi uma surpresa para muitas pessoas. Acho que essa cena abusou da licença poética. rsrsrs.

    Responder

  2. Oi Si!

    Ainda não comentei por aqui, mas leio todos os dias teus comentários da série, que estou acompanhando religiosamente. Também achei esse episódio bem morno.

    Enfim, sobre licenças poéticas, a maior delas é a cronologia da série. Estou lendo uma biografia da Maysa, e o acidente que marcou seu rosto ocorreu bem antes dela conhecer o Ronaldo. Outra coisa, acredito que ela não tenha sido tão carinhosa com Elis não, afinal as duas foram conhecidas “inimigas”. Acho que estão abrandando bastante a imagem da cantora…

    Abraço!

    Responder

  3. Então Tati, e eu também acho que não foi tão junto assim, largou de uma e ficou com outra.

    Gi, eu nem falei nada da cronologia porque o próprio Manoel já tinha avisado que isso aconteceria.

    beijos

    Responder

  4. Lembro de Maysa referir-se a Elis com deboche, mas com delicadeza, não!
    Jaime Monjardim tá “adocicando” as partes venenosas, hehehe.
    E alguém comentou que na biografia do Boscôli ele mesmo diz que ficou com as duas durante um tempo (com a Maysa em segredo) e váris vezes Maysa esculachou Elis por isso, essa também deu o troco.
    Quanto mais eu leio, mais interessante fica!

    Responder

  5. Pessoal, estou procurando o nome da música que Maysa canta após descobrir que André morreu. Alguém sabe? Agradeço

    Responder

  6. Poxa, obrigada Simone.

    Realmente uma música tocante na voz de Maysa.

    Bjos

    Responder

  7. Claro que é Hino ao Amor,essa letra é muito linda. Nesse capítulo,Maysa mente para os jornais que vai se casar,e finge que nem liga quando uma jornalista fala que o André casou com a Nina

    Responder

  8. Sou Juliana Veras,piauiense,tenho 10 anos,sou uma das raras crianças que gosta de cantores antigos que marcaram época. Sou muito fã de Maysa e Carmen Miranda. Pena que a Maysa nos deixou muito jovem,mas deixou muitas musicas lindas! Eu gostaria que Maysa e André,lá no céu,se entendessem e voltasse o casamento.

    Bjos

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *