Corra! traz trama de suspense intrigante

Surpreendente é o adjetivo que pode ser melhor aplicado ao filme Corra! – pela maneira inovadora ao falar de preconceito racial.

Mas engana-se quem pensa que o filme trata apenas sobre racismo. Ele também traz elementos de terror, suspense e de ficção científica, e tem uma estrutura muito semelhante às situações retratadas na série Black Mirror, ou nos filmes de David Cronenberg, onde questões relativas ao uso da ciência e tecnologia para fins não tão nobres são discutidos.

A trama começa de modo convencional e lembra muito o filme clássico Adivinhe quem vem para jantar (estrelado por Sidney Poitier): o casal inter-racial formado por Chris (Daniel Kaluuya) e Rose (Allison Williams) vai passar um fim de semana na casa da família dela, no interior.

A ideia é apresentá-lo aos pais da garota, um neurocirurgião (Bradley Whitford) e uma psiquiatra adepta das técnicas de hipnose (Catherine Keener). A princípio, Chris acredita que o comportamento excessivamente amoroso por parte da família dela é uma tentativa de lidar com o relacionamento de Rose com um rapaz negro, mas, com o tempo, Chris percebe que a família esconde algo muito mais perturbador.

A atmosfera criada por Peele prende o espectador dentro do filme fazendo-o paralisar-se diante de um excelente e cativante jogo psicológico. Todas as sequências de hipnose são claustrofóbicas, permitindo que o senso de perigo se estenda incrivelmente através de uma criativa idealização da sensação experimentada por Chris; e o diretor explora muito bem essa aproximação do protagonista para com o público. Conseguimos sentir o mesmo desconforto sentido pelo protagonista. Nossa vontade é correr e fugir daquele lugar.

A ideia que Corra! propõe é que quem pensa que o politicamente correto resolve qualquer parte que seja do preconceito, gosta de ser enganado. Pior: a correção política na verdade pode ser um ótimo jeito de camuflar um tipo de exploração mais sutil, mas muito mais danoso. Como o próprio cartaz do filme já diz: “Não é porque você foi convidado que você é bem vindo”.

Filmado no Alabama em apenas 28 dias, o filme contou com um orçamento de filme independente, estimado em US$ 4,5 milhões. Até o momento em que estou escrevendo este post, seu faturamento já superou os US$ 300 milhões.

Uma curiosidade: A ideia do roteiro veio de um stand up de Eddie Murphy contando como foi conhecer os pais brancos de sua namorada, que o diretor Jordan Peele assistiu e achou que poderia render uma boa história.

Corra! É um dos melhores filmes que você verá nos cinemas este ano.

Ah! E o final é impagável! Não perca!

P.S. Estivemos na pré-estreia a convite do Freakpop.

Direção: Jordan Peele

Roteiro: Jordan Peele

Produção: Jason Blum

Trilha Sonora: Michael Abels

 

Mostra dedicada à produção cinematográfica israelense tem sessões gratuitas a partir deste sábado

Mabul2

Vencedor do Urso de Cristal do Festival Internacional de Cinema de Berlim – prêmio dedicado aos filmes voltados para o…

Leia Mais

Antes que eu vá é um filme tocante

Antes que eu vá é um filme tocante

Se eu ficarei vivendo o mesmo dia de novo e de novo, eu quero que ele signifique algo… E não…

Leia Mais

Ingressos para Mulher-Maravilha em pré-venda a partir desta quinta, 18 de maio (e último trailer)

Ingressos para Mulher-Maravilha em pré-venda a partir desta quinta, 18 de maio (e último trailer)

Isso mesmo: você já pode garantir seu ingresso para a estreia do novo longa da Mulher Maravilha, que estreia em…

Leia Mais

Meus 15 anos, adaptação de sucesso literário nacional, ganha primeiro trailer

Meus 15 anos, adaptação de sucesso literário nacional, ganha primeiro trailer

Em Meus 15 Anos Bia é uma jovem de 14 anos que vive com seu pai, Edu, e tem um único…

Leia Mais

Projeto Autoria e UNISANTOS recebe José Carvalho e Vitor Hugo Brandalise para palestras

Projeto Autoria e UNISANTOS recebe José Carvalho e Vitor Hugo Brandalise para palestras

O Projeto Autoria, que tem mais de 240 horas de atividades gratuitas de literatura, dramaturgia, jornalismo, publicidade, mídia social e…

Leia Mais

Valerian e a Cidade dos Mil Planetas tem novos posters divulgados

Valerian e a Cidade dos Mil Planetas tem novos posters divulgados

Valerian e a Cidade dos Mil Planetas é uma adaptação da HQ Valerian: O Agente Espaço-Temporal, de Pierre Christin, Jean-Claude…

Leia Mais