A&E Investiga apresenta Warren Jeffs: Profeta do Mal

O A&E estreia neste sábado, dia 27 de outubro, o especial Warren Jeffs: Profeta do Mal (Warren Jeffs: Prophet of Evil), em formato de documentário, que revela a impactante história do famoso profeta Warren Jeffs, religioso da Igreja Fundamentalista de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (FLDS), condenado à prisão perpétua por abusar sexualmente de duas meninas menores de idade.

Nascido nos Estados Unidos, em 1955, Warren Jeffs é considerado um dos polígamos mais sinistros dos Estados Unidos, líder da igreja fundamentalista conhecida como FLDS, e que conseguiu convencer mais de 15 mil pessoas de que ele era Jesus Cristo. Antes de ser preso, em 2006, acusado por abuso de menores. Jeff se casou com ao menos 78 mulheres, teve mais de 50 filhos e chegou a criar um poderoso império religioso que controla milhares de seguidores e envolve milhões de dólares.

Este especial de duas horas de duração oferece um olhar por dentro dessa comunidade, que foi dirigida por décadas por Warren Jeffs. Ele conseguiu atrair, manipular e abusar de milhares de seus mórmons, destruindo a vida de muitos deles, para alcançar seus próprios objetivos e satisfazer seus desejos.

Revelando segredos obscuros que incluem o abuso de crianças pequenas, inclusive seus próprios filhos, Warren Jeffs: Profeta do Mal, também traz entrevistas com a família mais próxima de Jeffs: três dos seus mais de 50 filhos – Rachel (3ª  filha), Roy (12º filho) e Isaac (18º filho) – uma dezena de ex-membros da igreja e os profissionais que lutaram para levá-lo à Justiça, o investigador particular do caso, Sam Brower, o jornalista Mike Watkis, advogados, fiscais e historiadores, entre outros.

Entre esses relatos, depoimentos de pessoas que conseguiram escapar do controle de Warren Jeffs com a intenção de denunciá-lo, incluindo a história dos Los Boys, um grupo de adolescentes abandonados pela seita, e a impactante história de Elissa Wall, a jovem que saiu da igreja e se tornou a testemunha-chave na investigação que colocou Jeffs na cadeia.

Warren Jeffs: Profeta do Mal apresenta um importante material de arquivo, incluindo gravações de áudio que Warren Jeffs mantinha escondidas, fotos e vídeos, bem como a resolução do caso. Em maio de 2006, o FBI colocou Warren Jeffs na lista dos dez mais procurados – em que também constava o terrorista Osama Bin Laden –, depois que ele fugiu de Utah ao ser intimado pelo Estado a responder a várias acusações de coabitação poligâmica ilegal com menores de idade. Em agosto de 2006, foi finalmente preso em Nevada e levado novamente a Utah, onde foi julgado. Entre maio e julho de 2007, o Arizona registrou mais oito acusações contra ele em dois outros casos, que incluíram incesto e conduta sexual com menores.

A poligamia tem sido praticada pelos mórmons fundamentalistas durante gerações e a família de Warren Jeffs é integrante da Igreja Fundamentalista de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (FLDS), que promove o casamento poligâmico e conseguiu se estabelecer como um grande império em Utah, Estados Unidos.

A igreja tem um profeta e líder, que simboliza Deus na Terra para seus seguidores. Atualmente, este profeta é Warren Jeffs, que herdou a liderança de seu pai, Rulon Jeffs. A religião não somente fomenta a poligamia, como prega que, quanto maior a quantidade de esposas de um homem, mais elevada será a posição dele no céu. “Os mórmons acreditam que com três esposas podem chegar ao nível mais baixo no céu; se têm cinco, vão ao nível médio, e se tem sete ou mais ficarão no lugar mais alto do céu”, cona a historiadora de poligamia Lindsay Hansen Park.

Ainda que, em 1980 a igreja tenha se afastado das práticas, os polígamos e seguidores continuaram com seu próprio espaço, em lugares específicos da América do Norte, como México ou ao sudeste de Utah, na fronteira com o Arizona, se instalando em Short Creek, cidade que se tornou o centro da prática poligâmica na América e o centro da Igreja Fundamentalista (FLDS).

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *