NCIS: Beastmaster (14×22)

Um dia destes vi no Tumblr uma foto de Mark Harmon de 2005 ou algo assim. Vira e mexe por lá também pipocam fotos dele no começo de carreira. E, sim, ele já era lindo. Mas eu acho que poucas pessoas no mundo podem falar que envelheceram bem como ele pode. Ele e a Cher. Na verdade eu achei que ele melhorou com a idade. E neste episódio em especial eu pensei isso várias vezes.

Nisso e no fato de que ele bem merece uma namorada nova e essa moça dos cavalos me pareceu bastante adequada (olha eu me colocando como aprovadora das namoradas do Gibbs).

Mas não foi só pela loira, claro, que o episódio foi lindo: Gibbs falando numa boa sobre sua filha e como ela ajudou um cavalo a se curar da depressão foi um dos melhores momentos da série nos últimos tempos. Acho que ele resume bem o que está sendo essa temporada para mim: amadurecimento.

Perdemos pessoas importantes – tanto os personagens como nós, fãs – e nos recuperamos. Eu já estou totalmente apegada ao Torres e à Quinn, feliz pela equipe ter momentos mais leves depois de tanto sofrimento, feliz por citarmos Dinozzo com carinho ao invés de tristeza, feliz por ver McGee como o novo encarregado.

Ainda que ele tenha se atrapalhado com os treinamentos. Defeito do episódio: eu queria ver a guerrinha de spray de pimenta, poxa!

Ah, sim: tivemos fuzileiro assassinado, tráfico de cérebro de macaco, envolvimento de diplomata de país africano com má fama e dois bandidos idiotas por trás de tudo isso.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

6 Comentários


  1. Ai, Simone, Torres nunca me incomodou, mas você sabe que adoro implicar com detalhes e acho difícil simpatizar com Quinn. Sua boca torta e nariz franzido como se sempre sentisse mau cheiro me tiram do sério. Costumo imaginar o episódio sem ela e sempre acho que não faz falta.

    Responder

    1. Hahahaha eu acha que não ia gostar dela justamente por causa do nariz. No final das contas eu até gosto dela, não como eu adoro o Torres, mas gosto dela.

      Responder

  2. Já shipei de cara a moça da polícia montada com Gibbs e como foi lindo ver a alegria estampa na sua face.

    Adoro o Torres, prefiro mil vezes a Quinn do que a Bishop.

    Responder

    1. E eu gosto da Bishop, gente (mas talvez seja o fato de eu ser nerd, hehehe). E amo o Torres e só gosto da Quinn. Mas achei que ia odiar a personagem, então já estamos na vantagem.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *