NCIS: The Wall (14×19)

The Wall não será lembrado como um grande episódio de NCIS. A grande verdade é que ele nem ao menos será lembrado direito, no máximo por conta de toda a curiosidade de Bishop e McGee sobre o relacionamento de Torres e Quinn. Não é um episódio com grande roteiro, um grande vilão ou mesmo uma ótima história – quanto de nós já não vimos a morte de alguém porque uma pessoa é ambiciosa demais que não pode deixar que ninguém fique em seu caminho e conte o que de errado ela está fazendo?

Mas The Wall é sobre perda. É sobre, apesar da falta de humanidade que toda guerra carrega, pessoas que morrem por outras pessoas, sacrifícios que são feitos por seu país, sentimentos sobre os quais não se fala.

E também sobre se sentir útil. De preferência sem ter de se matar por causa disso, não é mesmo Reese? Principalmente agora que você encontrou uma equipe que na verdade é uma família.

The Wall poderá ser esquecido, mas ele deu aquele “quentinho no coração” que a gente gosta de ter sempre que possível.

P.S. Well, well, well, eu nunca imaginaria Quinn e Torres.

P.S. do P.S. E Quinn foi ótima em despistar a Bishop.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *