Shades Of Blue: Sweet Caroline (2×05)

Pois bem, o problema não foi o que colocaram no porta malas do carro da Harlee, mas o que tiraram. Não demoraram nada a mostrar para ela que não estão de brincadeira e que o que eles querem é o nome do Stahl – e eu a esta altura nem sei se eles devem mesmo não dizer o que está acontecendo, dado aos últimos atos do agente do FBI.

Achei meio triste a escolha do nome do episódio – uma homenagem a vítima que mal conhecíamos, a Caroline que mal olhamos no episódio passado? -, mas na verdade todo ele foi um episódio triste. Triste e tenso. A corrida contra o relógio em que Harlee e Woz entraram para que ela não acabasse responsabilizada pela morte da ex-noiva de seu namorado.

Ou melhor, ex-namorado. Nava está certo em dizer que nada de bom aconteceu na vida dele desde que Harlee passou a fazer parte dela.

Harlee, Woz e todos os outros são incapazes de perceber que é isso: entre as mentiras e mortes justificadas pelo bem maior ou para proteger a família eles apenas vão juntando cada vez mais motivos para magoar os outros. Acabam ferindo e contando novas mentiras e eles todos estão em um buraco negro – não existe fim possível enquanto eles continuarem fazendo o que fazem e todos acabarão sendo puxados para dentro dele.

Ah, e eu nem falei ainda das consequências da mala da Cristina colocar aquele pendrive no seu computador. O excesso de proteção da Harlee deixou a menina bastante tola, não é verdade?

P.S. Achei que tinham esquecido já do encontro da Harlee com Verco no bar, mas ela jogou a questão em cima do Woz. Ao que parece não foi nada demais, mas o policial está pouco a pouco ficando próximo demais da verdade.

P.S. do P.S. Como ele fez questão de demonstrar ao contar que sabe da vida dupla que Donnie levava.

P.S. do P.S. do P.S. Já o Woz leva uma vida tripla, ao que parece. E parece que tem mais motivos para proteger Julia que Harlee….

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *