FOX anuncia sua saída da grade da operadora SKY

Os últimos meses foram tumultuados nas negociações entre a FOX e as operadoras de TV a cabo por conta dos novos canais premium do grupo: de exigências a que os canais fossem inclusos nos pacotes mais básicos com substancial aumento nos valores cobrados dos assinantes até os valores para a assinatura destes canais à parte das assinaturas – modelo aplicado aos canais HBO e Telecine -, parecia que eles nunca entrariam em um acordo.

No final de 2016 a NET e Claro TV passaram a exibir os canais no modelo da segunda opção – os dois canais saem por R$ 24,90 mensais -, mas não houve acordo com a SKY e na semana passada tanto FOX como SKY oficializaram a saída em comunicados à imprensa. Abaixo o da FOX:

Ainda que eu entenda o número de telespectadores frustrados com a decisão, fazendo a advogada do diabo, devo dizer que a FOX não tem razão de tanta gritaria e o problema com sua estratégia é anterior ao lançamentos dos canais Premium: quando a FOX lançou no Brasil os canais FX e FOX Life vimos boa parte das séries deixarem o canal principal, presente na maior parte dos pacotes básicos, obrigando fãs a adquirirem pacotes mais caros ou se conformar com as constantes reprises de Simpsons.

O lançamento dos canais Premium repetiu o movimento e levou para outras séries como The AmericansOutlander e Homeland. The Walking Dead tem sobrevivido no FOX sem que se saiba ao certo como, mas tem já sido exibido simultaneamente com o FOX Action e no FOX e ninguém se sente seguro de que não ficará sem a série também.

 

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *