Legends Of Tomorrow: Legendary (1×16)

Se o episódio Destiny foi, como eu disse, uma chance de recomeço, bem, os roteiristas resolveram levar isso realmente a sério e fizeram de Legendary uma oportunidade para aparar arestas eliminando o mala vilão da temporada que ninguém mais aguentava – por favor, por favor, por favorzinho, que Savage não volte na segunda temporada!! -, mandando o casal passarinho para os quintos dos infernos (sorry, not sorry!) e ainda lançaram uma surpresa final capaz de convencer até os mais descrentes de que vale a pena voltar para a segunda temporada.

legends of tomorrow 1x16 s01e16 legendary

Depois da triste – e injustificável – morte de Snart, uma desanimada equipe volta a nave, mas uma luzinha de necessidade de justiça faz com que um a um eles decidam tentar uma última chance de derrotar o inimigo imortal que está disposto a acabar com quase dois mil anos de vida terrestre detonando a energia de um meteoro em três diferentes ocasiões ao longo dos anos.

É Martin quem tem essa luz sobre “na terceira vez é que vale” e assim eles conseguem, numa edição de imagens e efeitos especiais das quais os produtores podem realmente se orgulhar, matar aquele que foi a pedra no sapato de todo mundo até aqui – quer dizer, depois da Passarinha, deixo claro.

Savage morto, o casal Passarinho resolve tentar uma nova vida juntos enquanto os demais personagens novamente se reúnem à Rip agora com o objetivo de proteger a linha do tempo.

Isso até o Cavaleiro do Tempo aparecer caindo dos céus e introduzindo Rex Tyler (o lindo, charmoso, cheiroso e adorável Patrick J. Adams) na trama. Ao que parece o futuro dos nossos amigos não é dos mais promissores – ele falou em morte – e eles mesmos pediram que ele voltasse até aquele exato momento. O que já é uma melhora, néam, gente? Afinal o Rip não era muito bom nisso de voltar no mesmo instante…

Ah, ele também falou sobre a Sociedade da Justiça da América e, vamos lá, os NERD PIRA!!!

P.S. Se você não é nerd (mas eu duvido que algum não nerd ainda esteja vendo esta série a esta altura): a tal Sociedade é a precursora da Liga da Justiça e este é o prenúncio de muitos novos heróis aparecendo na próxima temporada.

P.S. do P.S. Rex Tyler é também conhecido como Hourman, um herói cheio de super poderes.

P.S. do P.S. do P.S. Super triste por Snart não ser ressuscitado – sempre existe a opção de buscar esse de 2016 de novo e levar para a nave – principalmente pelo Mike, mas achei legal Mike reconhecer os demais membros da equipe como seus amigos. <3

P.S. do P.S. do P.S. do P.S. Não tenho como falar da perda da Laurel, a quarta temporada de Arrox chegou por aqui somente semana passada e a Warner ainda fez o favor de alterar os horários das reprises no domingo e eu fiquei sem o episódio dois, mas um dos maiores méritos de LOT foi fazer eu realmente gostar da Sarah.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

2 Comentários


  1. amei ver o Mike Ross …. opps o lindo, charmoso, cheiroso e adorável Patrick J. Adams !!!

    o Mike fugiu de Suits e foi ser um super-herói !!!

    alias isso do Snart morrer é tão Prison Break que já dá pra adivinhar a minha conclusão sobre, já que estou ansiosíssima com o retorno de Prison Break

    adorando as cenas de Rory sendo e não deixando parecer que é good guy !!!

    a warner tem um péssimo sincronismo, a universal também é péssima neste quesito com a franquia Chicago, e o AXN pelo menos exibiu os dois episódios de NCIS com os crossover

    olha a bizarrice, já saber do destino da Laurel de Arrow pelo The Flash e um poucos minutos da estreia de Arrow ver a confirmação no final de LOT, ou seja assistir ao episódio de Arrow e já saber que aquela lápide é da Laurel, o que os fãs de Arrow levaram semanas para saber

    enfim …. apesar de não ter sido láaaaaaaaa essa brastemp toda, Legends conseguiu me pegar no final, que venha a segunda !!!

    Responder

    1. Como que mais me incomodava era o Savage e o casal passarinho, eu já começo a segunda temporada tão mais esperançosa. E o que foi ver o Patrick ali? Só amor!!!!!

      Nossa, a Warner pisou feio na bola porque ela passa todas as séries, né? Dava para se organizar melhor. Ano passado reclamei do Universal, mas este ano eles fizeram direitinho, né?

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *