Shades Of Blue: Good Cop, Bad Cop (1×08)

Bom, os últimos dois episódios nos levaram a questionar mais de uma vez o quanto Harlee se parece com Woz, então temos Good Cop, Bad Cop para tirar essa dúvida: Harlle tem seu limite e saber que Woz matou Saperstein atingiu este limite.

Pelo menos até aqui, porque eu realmente não sei se ela vai em frente com essa acusação, mas sei que o Stahl não vai querer largar esse osso.

Shades Of Blue Good Cop, Bad Cop 1x08 s01e08

Este, em verdade, foi um episódio bastante emocional: todos da equipe tendo que lidar com a morte de Saperstein, ainda que não soubessem a verdade, Harlee descobrindo que o FBI estava atrás da verdade sobre Zepeda, a questão com o namoradinho da Cristina, a conversa entre Harlee e o promotor – nossa, achei péssimo a forma como ele falou com ela.

De tudo a tensão crescente entre Harlee e Woz foi o que mais marcou, na verdade é como se toda a tensão restante fosse impulsionada pelos acontecimentos dos dois. E um lado meu viu Harlee buscando qualquer coisa para se segurar e não sair correndo em sentindo contrário, só que ele não facilitou nada. Ele a tratou mal, ele a diminuiu, ele se deu importância, ele a abandonou.

Então talvez eles realmente sejam parecidos, mas ela precisava de alguma certeza de que eles não deixaram de ser os “bons policiais” há muito tempo… E ele não lhe deu isso.

A carta do Saperstein para a Tess foi aquela cutucada necessária, até ali eu estava estranhando demais o comportamento da Tess, tão fria e distante. A grande verdade é que todos ali morrem de medo do que pode acontecer com eles se um dia um deles ficar no caminho do FBI e a Tess tem tanto a perder quando a Harlee.

P.S. The Sound Of Silence é uma das melhores músicas, não é verdade?

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *