Chicago PD: Knocked the Family Right Out (3×11)

Vale começar o texto quase pelo final? Apenas para dizer que eu amei o soco que a Lindsay deu naquela “mulher” (substitua aqui pelo primeiro adjetivo que veio a sua mente agora): eita soco bem dado!

Assim como em Chicago Med nesta semana o tom do roteiro foi mais emocional, com a diferença de que a participação da série no One Chicago também já havia sido por conta da história pessoal de Voight.

Aqui, além da tensão esperada pela difícil investigação de um grupo que usava gás do riso para adormecer suas vítimas enquanto assaltava sua casa e enquanto um deles violentava meninas inocentes.

Claro que, após saber do que aconteceu, foi impossível a qualquer um da equipe se manter indiferente e então o episódio ganhou um ritmo perfeito: todos focados, as pistas e conexões sendo feitas. Mesmo quando a guria os engana, você percebe que eles não param por isso, eles continuam seguindo, decididos a encontrar a verdade.

Talvez por conta disso para eles, e para nós também, foi horrível saber que tinham sido passados para trás pela loira mentirosa. Não só por terem sido enganados, mas por perceberem que ela era ainda pior do que o estuprador.

E aí volto ao meu primeiro parágrafo: eita soco bem dado!

Chicago PD Knocked the Family Right Out 3x11 Lindsay

Agora, o Jay se segurou bem, porque ver o que a Lindsay passou, o risco que ela correu, nossa, ele foi muito racional.

P.S. Papai Platt faliu. Olha, eu nem sei o que dizer desse cara, não que ter falido seja culpa dele (os indícios é que foi), mas a forma como ele conta para a Platt. Péssimo. Mas tenho certeza de que os pombinhos vão conseguir ajeitar algo.

P.S. do P.S. Já no caso da Burgess e o Ruzek eu já não tenho tanta certeza: se ele não estava simplesmente enrolando é melhor fazer algo porque o tanto de gente que está falando no ouvido da Burgess não é brincadeira.

P.S. do P.S. do P.S. E esse amigo do Hank? Quer se endireitar, mas se rolar uma ajuda financeira do Hank ia ser melhor? Não sei não se essa história acabará bem

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

3 Comentários


  1. O soco bem dado. Nossa! Lavou a alma dos expectadores.
    Devemos lembrar que Ruzek tem um passado de pelo menos dois noivados anteriores.
    Esse amigo do Hank vai ser confusão. Algo me diz que vai colocar nosso sargento em apuros.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *