Filmes: O Quarteto

Se a série é da BBC, eu assisto. Se o filme é inglês, eu assisto. Se ele tem Maggie Smith é provável que eu assista duas vezes.

O Quarteto apareceu na minha lista de Indicados para você no Netflix provavelmente por conta dessa regra e é claro que eu já fui assistindo. Que outra opção eu tinha?

A história do filme se passa em um asilo para artista de ópera aposentados e sofre um abalo por dois motivos: primeiro pelo risco de que ele acabe por falta de dinheiro, segundo pela chegada de uma cantora de ópera muito famosa que tem antigas relações com alguns dos moradores.

O Quarteto Maggie Smith

Apesar de classificado como comédia, O Quarteto em verdade é um daqueles filmes de difícil classificação: enquanto trata com enorme delicadeza sobre amor, perdão e as dores do envelhecimento oferece, também, boas risadas com seu humor tipicamento britânico.

Em verdade, por mais que Hollywood tenha aumentado nos anos recentes retratar a “terceira idade” em seus filmes sem cair no lugar comum, os britânicos fazem isso com muito mais sucesso. Provavelmente porque eles tenha uma relação muito mais saudável com imperfeições e com o curso natural da vida – são eles que não tem problema algum caso um galã de filme não seja tão bonito assim e que tem elencos com todo tipo de pessoa.

Além da linda-maravilhosa-vitaminada-diva Maggie Smith o elenco ainda conta com Billy Connolly, Pauline Collins e Michael Gambon. A direção é de Dustin Hoffman.

Ah, sim, ele tem uma cena maravilhosa que nos ensina que ópera e rap tem muito mais em comum do que imaginamos…

Recomendo.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *