The Good Wife: The Wheels of Justice e Rape: A Modern Perspective (4×19 e 4×20)

A reta final desta temporada de The Good Wife anda intrincada – e eu estou aqui mentalmente mal dizendo o Canal Universal por não emendar logo a quinta temporada no final desta – e ao que parece eles estão querendo fazer com que Alicia resolva de vez a sua vida, ainda que aparentemente ela ainda “rateie” um pouquinho.

The Wheels Of Justice nos trouxe de volta Sweeney, nosso assassino favorito, e forçou um tipo diferente de julgamento. A pressa toda de ter um veredito antes que uma nova orientação do supremo fosse publicada conseguiu colocar todo mundo para trabalhar e me deixou na mesma situação que o juiz: adorando o modelo!

Ah, também foi inusitado ver Sweeney sendo acusado de um crime que ele não cometeu, só para variar um pouquinho.

O caso também nos trouxe de volta Kurt, nosso republicano atirador favorito. Ele e Diane estão juntos novamente, justo quando ela precisa decidir se aceitará ou não partir para o tribunal, e algo me diz que dessa vez é para valer, justamente porque ela está nesse momento de decisões e porque ela não é mulher de desistir do que quer só porque “não é certo”.

Engraçado enxergar Diane e Alicia passando por momentos tão semelhantes: Alicia agora é sócia, e ainda que diga estar feliz da vida e fique deslumbrada com seu novo escritório é impossível não notar certa decepção em seus olhos, como se as coisas não estivessem batendo exatamente com o que ela sonhou, e parece decidida a seguir em frente no que quer que tenha sido sua relação com Will. Já Diane chega ao ponto mais alto que poderia em sua carreira depois de ser sócia de um grande escritório de advocacia, e se vê sozinha, com a possibilidade de modificar a única coisa que ela ainda não teve – ela já conhece o sucesso profissional.

Agora Alicia, que parecia ter tomado uma decisão definitiva quanto a Will, mas está se sentindo insegura. Algo me diz que se ela resolver o que fará com sua decepção profissional, essa insegurança passará. Uma pena é que Laura resolveu não seguir em frente com Will, isso nos pouparia uma recaída.

The Good Wife: The Wheels of Justice e Rape: A Modern Perspective (4x19 e 4x20)

E se Wheels Of Justice nos trouxe o tal “julgamento a jato”, Rape: A Modern Perspective trouxe o pessoal do Anonymous atrapalhando e ajudando num caso bem complicado: uma garota foi estuprada e eu, você, o juiz e todo mundo sabe quem foi, mas o rapaz escapa por conta de uma testemunho conseguido “ilegalmente.”

Eu sei, eu sei, nosso desejo de justiça nos faz achar tudo isso uma porcaria, o problema é que o “tudo isso” da legislação é o que garante todo mundo de ter um julgamento justo, então não dá para reclamar esquecendo desse “restinho” aí.

Além dessa novidade, e o mocinho dos bitcoins que coloca dinheiro na mesa, o episódio foi mesmo é para reavaliarmos um tanto de coisas: Diane e Kurt vão se casar, e o povo da política que decida o que vai fazer com isso; Will se mostra arrependido do que não fez na relação com Alicia, e isso sempre foi o que me incomodou nele, o fato dele nunca conseguir dar um primeiro passo, esperando que tudo aconteça; Cary prepara sua saída e a cara de descoberta de Alicia não foi exatamente de quem quer impedir, mas de quem está pensando em ir junto.

Eu disse que são tempos de decisão e ao que parece os roteiristas querem fazer isso antes desta temporada se acabar.

P.S. Sweeney acabou que arrumou a mulher perfeita para ele, não é mesmo? Acho que valeria um spinoff mostrando o dia a dia do casal quase se matando diariamente.

P.S. do P.S. Não esqueça: amanhã tem episódio duplo de The Good Wife encerrando essa temporada. A partir das 22h.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *