Hostages: Hail Mary (1×7)

Chute a pedra do episódio passado para fora do caminho e descubra em seguida que as coisas em Hostages podem ser muito, mas muito, mais intrincadas do que você pensava até aqui.

Hostages: Hail Mary (1x7)

Tudo bem que a Ellen e o Brian continuam metendo os pés pelas mãos ao invés de sossegar o rabo, mas o que rolou em paralelo nos demonstrou que sim, Hostages consegue segurar o clima de tensão quando quer.

Primeiro porque Kramer-o-bom-camarada é o típico “de boa intenção o inferno está cheio”. Ele quer ajudar o pai e Duncan a ajudarem sua irmã, ele quis ajudar o moleque com os traficantes, ele quis ajudar Sandrine com a falta de grana e, de tanto querer, está neste momento batendo papo na delegacia e correndo o risco de ser preso pela morte do segurança do episódio passado.

Segundo porque, cara, em família enfiada em política não se salva um. O presidente não presta, a esposa dele não presta e, ao que parece, menos ainda cunhada. Fiquei confusa com tanta gente ruim junta que agora não sei se quem quer matar o presidente é a própria esposa ou se a cunhada, se é por vingança ou por maldade mesmo. Apostas?

Terceiro porque a gente sabia que ia sobrar pro namorado. Se tem algo em que a família da Ellen é ruim pacas é sob pressão. Eles não sabem mentir, não conseguem ficar com a boca calada e sempre, sempre, escolhem a alternativa errada. Ela pode ser uma ótima cirurgião, mas, cara, como eles são ruins.

Quarto, e mais importante, porque o que importa são as engrenagens. Não, não foi à toa que Ellen foi escolhida como cirurgiã do presidente. Nem foi por seus lindos olhos, nem por seu talento,nem porque é mulher, mas porque ela deve algo para Burton Delaney. Sim, o sogro de Duncan lhe ajudou a escapar no passado de ter matado um estuprador e agora ele vai cobrar a conta.

Apesar de que, mesmo que ele não quisesse, a conta seria cobrada de qualquer jeito.

P.S. Sensacional: Archer não foi parar na cadeia por vingança de Duncan, mas para amarrar uma ponta solta. Muito legal!

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

2 Comentários


  1. Cada vez me convenço mais de que política sempre envolve sujeira, não tem jeito, temos como exemplo o mensalão.

    Eu acho que a morte do cunhado do presidente tem a ver com o coma da esposa do Duncan, e por isso toda a família está tão empenhado em matar o presidente. Afinal de contas, de acordo com a cunhada, eles mantinham posições políticas diferentes.

    Gente, esses presidentes americanos não conseguem manter a calça fechada, tem sempre que trair a primeira dama? E com a cunhada? Fala sério.

    Responder

    1. Rindo muito com seu comentário final!

      Eu realmente não sei qual a relação, mas não tenho dúvida de que exista algo aí e acho meio doido que eles simplesmente estivessem armando um assassinato em troca simplesmente de um tratamento experimental, não é verdade?

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *