Criminal Minds: The Wheels on the Bus (8×8)

 

Dizem que o ano no Brasil só começa depois do carnaval. E o pessoal do Sony e do AXN acreditou nisso e nesta semana todo mundo precisou se programar pra não perder os episódios inéditos. Criminal Minds, então, encerra suas férias com um episódio daqueles de deixar o pessoal com dificuldade de dormir depois.

Criminal Minds: The Wheels on the Bus (8x8)

Isso porque os malucos de palntão nem precisam ficar pensando muito em formas de serem assustadoramente maus quando um vídeo-game já dá todos os detalhes necessários: um jogo mortal, em que adversários se torturam e matam para ganhar. Os adversários em questão são crianças sequestradas em um ônibus escolar.

Não que eu ache que o enredo do jogo seja o problema – ainda que eu não consiga ver nada de interessante num enredo desse – mas aqui ele foi prato cheio para uma dupla de irmãos pra lá de problemáticos.

A questão é que se não fosse esse vídeo-game ia ser um filme estilo Jogos Mortais; se não fosse isso, seria um livro. O que os dois irmãos queriam eram competir e que a competição trouxesse o sofrimento de outros. Nível alto de loucura aqui.

Se o nível de loucura foi alto, eu não posso dizer o mesmo do desempenho da equipe. Só eu fiquei com certa impressão de que eles contaram mais com a sorte que com a eficiência? Não fosse garcia localizar a tal frequência, não fosse ela conseguir bloquear, a contagem de vítimas teria sido mais alta.

E aí entra a minha segunda reclamação: já que ela conseguiu invadir a frequência por que não explorar isso melhor?

Finalmente, mas não menos importante: como assim o Rossi sabe qual vídeo-game os dois estavam usando de base para suas torturas? Ahn?

Frederick Douglass: “É mais fácil construir crianças fortes que reparar um homem quebrado.”

P.S. Um dos meninos mauzinhos era o loirinho caçula de Sétimo Céu, reconheceram? Sim, eu sei que depois pintaram os gêmeos, mas foram anos demais com ele sendo o caçula.

P.S. do P.S. Cena final com Rossi e Garcia, ele pegando seus gagdets e falando que vai ensiná-la a tomar whiskey: priceless!

criminal minds the wheels on the bus 8x8

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

4 Comentários


  1. Simone, concordo com você. Não me senti bem assistindo esse episódio. Não queria que morresse mais gente. David Gallagher (o loirinho) está se especializando em interpretar malucos, assassinos e drogados. Já o vi em várias séries: quando ele aparece, já sei que ele vai o bandido da vez.
    Sabe dizer quando retornam Castle, White Collar, The Mentalist, Royal Pains e Psych?

    Responder

    1. Ele participou de CSi também, não foi? Acho que pior do que quando o crime é direcionado a uma criança é quando vemos a perda de valor refletida em uma criança sendo criminosa. Será que é isso?

      Responder

      1. E participou também de Law and Order (acho que no SVU). E para a minha pergunta, sabe quando voltam as séries?

        Responder

        1. Ops, desculpa Fátima, esqueci. Mas também não sei 😛 Psych volta nos EUA essa semana, tem de ficar de olho no Studio pra ver quando volta por aqui, sorte que eles não tem demorado com as estréias. Já Castle eu estou achando que a Sony está guardando para quando terminar American Idol. Das outras eu não tenho ideia nenhuma mesmo.

          Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *