O segredo está nas camadas

Outro dia a Lilian perguntava no Twitter como manter o visual menininha no frio – e olha que nem estava frio como hoje gente – e eu respondi: meia calça e segunda pele.

Pois hoje, quando o dia amanheceu com 06 graus no termômetro e eu estava louca para colocar um vestido eu encontrei resposta melhor: o segredo está nas camadas (e todo mundo pensa no Shrek e suas camadas como cebolas). Esse é o segredo principalmente quando não temos invernos rigorosos como o atual e não encontramos no armário roupas verdadeiramente pesadas, não é mesmo?

Meias e Segunda Pele Lupo/ Vestido Brishi/ Casaco Barreds/ Cachecol Marie Claire/ Boina Maria Simone

Eu hoje: duas meia-calças (ou meias-calças?), vestido de veludo, segunda pele fio 180, casaco de veludo, cachecol, boina e luva.

As duas meia-calças: uma é fio 40 de micro fibra, que as mulheres sempre usam no inverno. O segredo está na segunda, de acrílico. Aqui em São Paulo não é comum as mulheres usarem, afinal nunca faz tanto frio, mas no sul o uso é bem comum e esse tipo de meia esquenta mais que as de lã, por sua fibra ser sintética e a trama da malha mais fechada. Se o inverno está só começando eu aconselho as paulistanas correrem nas lojas e comprarem uma: vai ser indispensável. Além de perfeita para usar com saias e vestidos e aguentar o vento, pode ser usada embaixo de calças mais leves.

A segunda pele: por aqui também estamos mais acostumadas com as segundas peles transparentes, fininhas, fio 40 no máximo. Essa que estou usando, que ainda tem golinha alta, é fio 180, ou seja, muito mais grossa. Protege bastante e não cria volume – outro detalhe importante quando consideramos usar muitas camadas.

O vestido: foi amor a primeira vista. Quem clicar no link da marca vai ser direcionado para o site Gavetinha de Luxo, uma graça. A família da dona do site, a Fabrícia, tem a loja Brishi no interior do Paraná, que não tem venda online, mas vende online, risos. Você passei pelo site, vê do que gostou e manda um e-mail pedindo informações. Eu fiz o pagamento através de depósito bancário e recebi o vestido uns 03 dias depois em casa, embalado direitinho e com um daqueles cheirinhos para guarda-roupa muito fofo. Recomendo.

A boina: no inverno quem tem cabelo mais curto precisa se proteger mais (o meu nem tá tão curto, estou esperando o inverno passar para tosar a juba), e eu aderi com gosto às boinas. Tem um charme muito maior que toquinha, não é gente?

A conclusão: estou de menininha, de vestido, mas ainda tô bem quentinha, viu?

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

3 Comentários


  1. Adorei, você parece que tem 17 anos.Como o modo de se vestir influencia em nossa idade né? Suas idéias são geniais.Obrigada!!!

    Responder

  2. Eu costumava odiar o inverno porque…não tinha muita criatividade prá me vertir…tipo “moda cebola em camadas”…muuuuitas camadas….rsrsrsrsrsrs…mas agora com essas dicas, aprendi!Brigadão!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *