Colírio Friday Night Lights

Um tem jeito de bom moço, sorriso de bom moço, pose de pai de família (e um monte de moças concordaria em ser a mãe da família com ele, não é mesmo?), o outro tem cara de dor de cabeça para qualquer pai de família. Na dúvida entre qual dos dois mereceria estar nesse colírio, bem, fiquei com ambos.

Kyle Chandler arrasa corações no papel do treinador que, se pudesse, ia a campo junto com o time que comanda. Mas, antes disso, ele era o moço que recebia na porta de casa o jornal do dia seguinte em Earl Edition, seriado que ficava meio escondido na grade do canal Sony.

O moço natural de Buffalo, estado de New York, completou 45 anos em setembro e sempre quis ser ator, sendo descoberto pela ABC ainda nos anos 90 graças a um desses caça talentos típicos do país. Hoje vive em Los Angeles com sua esposa e duas filhas.

Depois de várias pontas em filmes para a televisão e séries que não foram muito longe, ele acabou ganhando a oportunidade de protagonizar a série sobre um homem que podia mudar o futuro depois de abrir seu jornal, o seriado surpreendeu no sucesso e acabou por ter 04 temporadas.

Em seguida, com participações em diversas séries de curta existência, ele viria a fazer ponta em Grey’s Anatomy como um técnico de bombas quando o hospital está sob ameaça, que lhe valeu uma indicação ao Emmy, e encontraria o que pode ser considerado o papel de sua vida como o tal treinador que citei, cuja paixão pelo time e por sua família guiam seu destino.

Taylor Kitsch pode ser considerado o grande contraponto de Kyle em Friday Night Lights: você vê de longe que esse moço pode causa encrencas.

O ator canadense de 29 anos começou na carreira de modelo depois que uma contusão acabou com seus sonhos de se tornar um jogador de hockey profissional. Junto com o início da carreira de modelo ele engatou um curso de arte dramática, conseguindo um contrato em uma pequena produtora apenas dois anos depois de sua chegada em New York. Os anos na cidade, na verdade, foram bem movimentados: além de obter um certificado para trabalhar como nutricionista o moço atuou como personal traineer antes de encontrar o sucesso.

E o sucesso veio no papel de Tim Riggins em Friday Night Lights. No cinema ele participou de Wolverine, o primeiro de seus papéis. Ao que tudo indica o rapaz tem a intensão de investir fortemente em sua carreira cinematográfica, estando hoje envolvido na produção de pelo menos dois filmes.

Fora do set ele se dedica a trabalhos voluntários e a passar tempo com sua família. Humm, ele até que é um bom moço, no final das contas.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *