Three Rivers: Status 1A (01×13)

Quase que passo batido o final de Three Rivers, não é meu povo? Juro que não foi por mal, assisti ao episódio final no feriado e ele foi tão irrelevante – péssimo dizer isso – que duas horas depois eu já não lembrava mais dele, minha cara ficou que nem  a da Pam aí em cima.

O que mais me chateou foi a falta de ligação deste com o que eu acreditava que seria o seriado quando eu o conheci. Sim, foi o final da história de Kuol e todos nós torcíamos para que tudo desse certo, mas foi aí que encontrei a maior falha.

Na tentativa de criar um clima de suspense se optou pelo aparecimento mágico do policial para pressionar Andy a denunciar seu tio – Denunciar o que, cara pálida? Que ele tinha levado um tiro? Porque desconheço qualquer outra contribuição que Andy pudesse fazer para que o cara fosse preso – e colocando em risco a cirurgia de Kuol.

Em nenhum momento eu achei que a ameaça fosse real, então o episódio acabou ficando apenas chato.

Eu preferia mil vezes um episódio final ressaltando algum grande caso, uma história bonita como a da mãe da noiva assassinada e o rapaz que precisava de um coração, uma história mostrando a bondade do ser humano. Eu preferia ver Miranda quebrando o pau para ver o certo sendo feito. Eu preferia que a história de Kuol simplesmente acontecesse.

De tudo que aconteceu eu acabei só vendo graça na tal paquera da Dra Jordan: pela primeira vez ela me pareceu humana, consequentemente fica muito mais fácil de entender suas decisões antesriores – nos demais episódios ela parecia um robozinho.

Não é sem tristeza que me despeço de Three Rivers, e pode ser que ele nunca tenha sido um grande seriado, mas com certeza merecia um adeus mais adequado.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *