Cold Case: Bombers (07×13)

Esse episódio de Cold Case valeu! De verdade.

Primeiro porque você cria empatia de maneira muito fácil com a vítima em questão. Mesmo eu que tenho horror a pixação acabei por me eternecer pelo desejo do rapaz de deixar sua marca no mundo. E, graças ao bom Deus, o assassino não era, de novo, um amigo traído ou a donzela abandonada.

Depois porque, finalmente, você consegue se importar com a investigação de Scotty. Eu quase chorei com ele quando ele conversa com a senhora que foi atacada assim como sua mãe, assim como fiquei triste quando ele está jantando com os pais e vê como sua mãe reage ao toque do pai dele.

Finalmente, valeu porque você vê o desgraçado do Kitchner com a cabeça arrebentada – eu sei, parece meio bruto, meio estranho de sair um comentário desse de mim, mas vamos combinar que ele merecia. Eu consegui pegar uma raiva absurda do personagem e isso foi mais por causa das cenas posteriores ao ataque que ele fez a Rush do que pelo ataque em si.

É claro que isso significa que Rush deve encontrar problemas a frente, afinal ela deve ser a principal suspeita do crime, mas nem de perto acredito que tenha sido ela a fazer isso.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

3 Comentários


  1. ah concordo com tudu, eu até q avisei q a história do Scotty ia valer a pena, mas não estou gostando do rumo que tomou depois disso…

    pessoalmente esperava mais do 7×14, mas isso é pessoal e da forma que a trama do moe tomou, mas isso é pessoal…

    eu realmente adorei a vítima, oq fazia tempo q não acontecia

    Responder

  2. Também quase chorei na com o discurso de Scotty, a atuação do Danny Pino nessa hora foi ótima!

    Responder

  3. Finalmente um episodio bom…..essa temporada está dificil de assistir…….Que dó do Scotty

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *