Three Rivers: The Kindness Of Strangers (01×08)

Então acabou. Agora não existe mais esperança: na rodada de inverno das emissora, o presidente de conteúdo da CBS confirmou que Three Rivers está definitivamente cancelada. Como você poderá ler na notícia do TV Squad, apesar do bom retorno junto a comunidades de transplantados, o resultado obtido pelo seriado junto a audiência em geral não foi o bastante para garantir a continuidade desta temporada, que teve 10 episódios produzidos e apenas 08 transmitidos.

Vamos combinar que a missão do seriado nunca foi fácil: os seriados da CBS são líderes de audiência, em sua maioria, quando não ficam em um segundo lugar seguro. Uma audiência decente não seria mesmo o bastante.

Para os fãs de Alex O’Laughlin a esperança fica no comentário de que existe uma chance da emissora ressuscitar o seriado Moonlight – quem sabe inspirada pelo sucesso que séries e filmes vampirescos vêm obtendo junto ao grande público.

Falando apenas de The Kindness Of Strangers, último episódio exibido tanto aqui como lá: ficou algo faltando.

Eu gostava muito da série, sempre repeti isso aqui, mas sempre achei que ela poderia oferecer mais. Principalmente quando pensava no tal piloto não transmitido que tinha uma força não mais repetida em nenhum episódio – comentário que eu sempre repito aqui.

A idéia de uma pessoa buscar o tráfico de órgãos para salvar alguém que ama oferecia a chance uma história melhor, mas talvez precisasse de mais de um episódio para ser bem trabalhada. Sei que nem é o foco do episódio demonstrar como isso acontece, mas mesmo as conseqüências disso, com a paciente retornando ao hospital à beira da morte, acaba sendo tratada de forma superficial.

Talvez o maior defeito de todos tenha sido, no final das contas, o final feliz. A cirurgia salvadora, o perdão ao marido. Pode parecer tétrico, mas preferia aqui o sofrimento pela decisão errada, um final mais adequado a história apresentada.

A segunda história… Bem, quem é que aqui é fã de House e já tinha matado que o motivo da estranha doença e dos estranhos comportamentos do paciente e sua esposa era contato com substâncias estranhas? Bom, eu matei ainda na primeira parte e aí perdeu a graça.

Uma pena. O potencial do seriado era excelente. Ver Alex e Daniel Henney na tela era um conforto. Bem como poder ver em ação Katherine Moennig – adoro a atriz e acho uma pena aproveitarem-na tão mal no seriado.

Bom, mais um seriado se vai e eu fico aqui, quem sabe temos mais sorte da próxima vez.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

2 Comentários


  1. Simone,

    Como acontece de praxe os canais pagos brasileiros chegam a transmitir todos os episódios produzidos das séries canceladas já que compram o pacote todo. Acontecerá isso com Three Rivers? Vc tem alguma notícia se a Universal passará os dois últimos episódios produzidos?

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *