Essas Mulheres e Seus Seriados: The Starter Wife e Army Wives

starter wife 02x01

Parece que, agora, terça-feira é dia de colocar no People&Arts a partir das nove da noite – ainda bem que Criminal Intent é às 20h00 – e aproveitar seriados leves e divertidos, mas que, ao mesmo tempo, conseguem bem enxergar as pequenas minúcias do universo feminino.

A noite começa com a segunda temporada de The Starter Wife, que seria apenas uma minisérie, mas ganhou uma segunda temporada, basicamente por causa da grande simpatia de Debra Messing, mais perfeita ainda como Molly Kagan do que era como Grace em Will&Grace.

Esta segunda temporada começou com The Forty-Year Old Virgin Queen(02×01), com Molly ainda procurando uma nova maneira de seguir com sua vida depois do divórcio do rico produtor Kenny Kagan. Nesta nova fase, Molly resolve investir em uma carreira de escritora e começa a ter aulas de redação.

É claro que tem o clichê do professor do curso ser um charme e o fato dos dois não conseguirem esconder sua atração um pelo outro. E é claro que nada deve ser simples na relação deles, mas parte da graça está justamente nisso.

Da minissérie original retornan Joan (a excelente Judy Davis) e Rodney. O trio de amigos funciona de maneira muito eficiente e Joan tem um apelo cômico inegável. Todas as cenas da personagem, que agora vai trabalhar no mesmo centro de reabilitação que freqüentou no passado, são muito boas. Destaque para aquelas em que ela teve de conviver com o super-star em decadência – aquele tapa no aeroporto foi “o tapa”.

Quem não retorna é Peter Jacobson, que pode ser visto atualmente em House como Taub, e que interpretou o papel de Kenny Kagan na minissérie. A escolha do substituto, o “simpatiquinho” David Alan Basche não foi bem feliz. Enquanto o Kenny de Peter era um safado de marca maior de maneira muito clara, o Kenny atual me pareceu meio boboca.

Mas esta foi a única perda do seriado, em que a crítica à sociedade fútil de Hollywood deve ficar a cargo dos artigos possivelmente tirados do diário de Molly. Quer dizer, isso se ela achar o diário novamente.

army wives

Na sequência, o People&Arts trouxe a estréia de Army Wives, cuja terceira temporada está em exibição nos Estados Unidos. A Tribe Is Born (01×01) é um episódio de apresentação, e o fato de não tentarem ir além disso é o que faz com que funcione melhor.

Somos apresentadas a um interessante grupo de mulheres que, diferentes em forma, são obrigadas a conviver em um posto militar enquanto seus maridos enfrentam a guerra. A inclusão de Roland, um psicólogo casado com uma tenente, ao grupo só torna tudo mais interessante, já que temos a oportunidade de ver que, em se tratando de dificuldades de guerra, homens e mulheres que ficam não são tão diferentes assim.

O episódio ainda cria um vínculo que deve servir de sustentação na relação do grupo a partir de então: os segredos que todos carregam. Temos a mãe que apanha de seu filho e não sabe o que fazer; a mulher que não consegue conviver com a politicagem e a fofoca da maneira necessária à esposa de um alto oficial do exército; a mulher que carrega o segredo de uma barriga de aluguel para colocar dinheiro em casa, enquanto o marido compra aparelhos de televisão de plasma; e a mulher que achava que não teria mais nada em sua vida depois que tudo pareceu dar errado, mas que encontra no posto uma casa e num soldado um apoio.

Sim. Uma série totalmente “mulherzinha”, mas que vale a pena ser vista.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

9 Comentários


  1. qual é a musica que passa na propaganda? responda por e-mail por favor!!!! 😀

    Responder

  2. O ultimo episodio que eu vi foi no comeco de julho.Viagei e s’o voltei esta semana.Qtos eu perdi??
    Qual ‘e o dia que est’a passando??

    Obrigada

    Cintia

    Responder

  3. por favor me esclareça se o canal liiv vai continuar passando os episodios da proxima temporada de army wives,gosto demais desta serie simplesmente maravilhosa.obrigada.

    Responder

    1. Oi Kaline, até o momento não recebi qualquer informação do canal sobre Army Wives, acho que vale você dar uma olhada no site deles ou mandar um e-mail.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *