Ainda trabalhando no velho mundo?

Já falei aqui várias vezes sobre o quanto o mundo mudou e de como considero que as empresas precisam parar de lutar contra isso e passar a usar as maravilhas do admirável mundo novo a seu favor.

Pois a Fabiana, do Rockerspace, teve a infelicidade de descobrir que sim, muitas coisas ainda são feitas na velocidade de ontem – e, repito, é incompreensível quando canais e produtores encaram os blogs como empecilho e não parceiros na divulgação de seu trabalho.

Vejam só:

Propaganda grátis pra Showtime, nunca mais

Eu trabalhava tranqüilamente na tarde da última segunda feira (22/06) quando o responsável pelo meu host (provedor de hospedagem) entra em contato comigo via MSN avisando que era urgente. Bom, confesso que na hora pensei que haviam invadido o blog, que ele estava com algum problema operacional, que ele iria aumentar a mensalidade ou qualquer outra coisa, menos que ele tivesse recebido um email da CBS, detentora da Showtime, sobre um post de meu blog.

Basicamente o email fala que eu tenho que remover o conteúdo do post em questão (sobre os posters de lançamento da nova temporada de Dexter) já que eu não possuo autorização da Showtime para exibir os mesmos e por isso estou cometendo um crime. Sim, você é tratada como criminosa por exibir imagens de divulgação.

Por sorte tal solicitação foi enviada primeiro ao host solicitando a remoção, pois se vai direto para o Google (sim, isso pode acontecer), não tem conversa, o site teria sido banido dos mecanismos de busca e minha conta do Adsense cancelada sem dó nem piedade. Você é um criminoso, ponto.

Eu nunca fui muito com a cara da Showtime, só pelo fato de até alguns anos atrás ela bloquear o acesso para visitantes de fora dos Estados Unidos ao seu portal. Quer saber notícia de alguma série produzida por eles? Se vire ou apele para um proxy da vida. Aliás, recentemente eles voltaram com essa mania besta. Tente embutir um vídeo dele no seu blog para ver o que acontece, fica bloqueado. Agora, o que ganha uma emissora bloqueando seu acesso para outros países? Estão começando a recusar divulgação de suas produções? Pra que divulgar os tais posters e trailers de divulgação se eles não podem ser exibidos por terceiros? Que divulgação é essa?

Uma emissora não vive sem audiência. Sei também que não são as irrisórias visitas originadas aqui (perto do tráfego do site de grandes portais e sites de emissoras) que trarão milhares de dólares para a Showtime, mas também não vou deixá-los mais pobres por exibir um mero poster de divulgação em um dos artigos em que fazia propaganda de graça pra eles.

Errada eu estaria se estivesse exibindo os episódios, oferecendo download de vídeos protegidos ou qualquer coisa do gênero.

Eu não vou deixar de assistir Dexter, Californication, The Tudors e outras produções que são exibidas pela emissora por conta disso, mas fazer propaganda de graça para a Showtime correndo o risco de ser tratada como criminosa novamente, nunca mais.

Aos amigos e parceiros de Blogs que também abordam o mesmo assunto, cuidado. Melhor não correr o risco de perderem o trabalho de meses e anos. Aos leitores aqui do blog, desculpem esta mensagem longa, mas era necessário compartilhar com vocês o pensamento mesquinha de uma certa emissora de televisão.

Obrigada Showtime, por ter feito meu dia de trabalho ir por água abaixo e por ao invés de evoluir, caminhar a passos largos…pra trás.

É, quem sabe um dias eles entendem. Perdoe-os Senhor, eles não sabem o que fazem.

Atualização: o Dude, do Dudenews, também foi supreendido pelo mesmo email, como você pode ler aqui.

O Ale, ZéOffline e Pablo também escreveram sobre o assunto, é só clicar sobre os nomes para ler.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *