Maysa – Quando Fala O Coração (Capítulo 04)

maysa-4

Maysa vai de um extremo a outro em termos de sentimentos, e isso em questão de segundos. Da tristeza de ver André com sua noiva na premiação, ao ataque de fúria ao ver Bôscoli com outra cantora, ao desejo, ao levar Bôscoli para seu apartamento.

Apesar da separação precoce, Maysa ainda considerava André seu, vê-lo feliz com outra mulher dói mais que não estar com ele. É constante a necessidade dela de se afirmar, exemplo claro é quando ela diz que se ele teve Maysa como esposa nenhuma outra chegava aos seus pés.

Quem dera fosse isso que ela realmente sentia. Maysa, a bem da verdade, estava longe de ser esse poço de segurança que muitos acreditavam. Eles a achavam louca, como se ela não tivesse medo de fazer nada, fazendo apenas o que queria. Às vezes acho que Maysa simplesmente chocava logo de saída, para diminuir as expectativas dos outros e não se magoar.

Tudo bem não gostar dela, parecia que eles tinham medo de seu jeito. E se ela fosse certinha e eles não gostassem? Como justificar? Ela reclamava da imprensa, mas alimentava o desejo desta por escândalos e não podemos dizer que ela o fazia de forma inconsciente.

Maysa também nunca questionou verdadeiramente se havia feito as escolhas corretas, cantar, para ela, era como respirar, era como se ela não pudesse escolher outro caminho.

No quarto episódio, que mantém o bom ritmo do terceiro, Maysa recebe um prêmio pela música Meu Mundo Caiu, que fez após saber do futuro casamento de André com a manequim Nina.

Ela chega o teatro acompanhada de Bôscoli, que continua tentando convence-la a gravar um LP de Bossa Nova. Maysa confunde os sinais quanto aos interesses do rapaz, não que ele fizesse alguma questão de acabar com a confusão, pelo contrário, ele só incentiva.

Maysa escapa de um escândalo na entrega do prêmio, quase caindo de bêbada ao recebê-lo, mas, a fim de acabar com as especulações sobre estar triste com o casamento de André, ela parte com tudo para Bôscoli e divulga que gravará o tal LP produzido pelo compositor.

Os dois começam um relacionamento, que seria problemático desde seu início, mas ele não pensa em terminar com sua namorada.

Namorada essa que era Nara Leão, de quem o seriado não menciona o nome, não sei o porquê, e com quem a atriz que interpreta o papel está longe de parecer. Nara fica enlouquecida com as fotos do namorado com Maysa no Copacabana Palace, mas é acalmada pelo namorado.

A gravação do disco é tumultuada, Maysa está longe de ser cordata e Bôscoli insiste em mudar o estilo da cantora. Ainda quando estão gravando Maysa conta para Bôscoli que os dois estão de partida para Buenos Aires: uma lua de mel.

Adianto para vocês que a viagem, que será tema do quinto episódio, acaba em mais confusão.

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

4 Comentários


  1. Si
    Adorando os reviews de “Maysa-Quando fala o coração” ( que subtítulo mais brega, sô), eu li o livro ano passado e amei, e quando falava em Maysa, geral ligava a Maisinha do SBT, conheci Maysa quando criança, enquanto limpava e organizava ( oi? TOC) os LPs das minhas tias solteiras para ganhar uns trocados (capitalista mirim) assim conheci Elis Regina e Nina Simone também, tinham o mesmo estilo de cantar doído dela.
    Ah, a namorada retratada que o Boscôli chifra na série é Joana Fomm, que não namorou Boscôli nessa época, e sim, Nara Leão, mas a globo resolveu lançar mão da mal fadada licença poética e poupou Nara, até agora.
    A série vai ter nove capítulos, tomara que apareça os barracos de Elis e ela.
    Maysa é como toda Diva: insegura, fazia coisas para chocar, para impor-se, agarrou-se a música porque era a única coisa que sabia fazer bem, muito bem.

    Responder

  2. Oi tati!!

    Eu também li o livro na época que saiu, conhecia muito pouco da história dela. AMO Nina Simone!!
    Nem penseu na Joana Fomm, ainda tô tentando entender qual é a da Globo.
    Será que somos más pessoas por ficar esperando ver os barracos? hehe
    Penso muito que Maysa devia ser bipolar em um tempo em que isso nem era diagnosticado…

    Responder

  3. Ai, barracos de gente famosa é tudo! Hahaha! Fica aquela satisfação de que eles são normais como nós.
    Sabe que também pensei a mesma coisa sobre a bipolaridade? Mas acredito também que os medicamentos para emagrecer que ela ingeria com álcool deveriam fazer um estrago na cabeça, óbvio que ela era paranóica-depressiva e deveria ter um fígado mal tratado, se Maysa não tivesse morrido de acidente, seria de cirrose.

    Ainda quero ler uma biografia da Nina, como um amigo disse” mulher negra, pobre, guerreira e bluseira, tinha que sair coisa boa”.

    Responder

  4. Pocha queria rever a Historia da Maysa
    naum pude ver toda miniserie toda pq
    fui viajar e na kasa onde eu estava naum
    tinha Tv ..
    !

    Bjokas

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *