Do que eu não falei ainda?

Nossa, andei assistindo tanta coisa, mas a absoluta falta de tempo me deixou assim perdida e, para me recuperar, vou apenas fazer pequenos comentários de algumas coisas para não esquecer:

Ghost Whisperer:  O seriado que só eu e mais meia dúzia gostam voltouu a ser exibido, agora em novo horário, e, me parece, bastante mudado. Confesso que, graças a infeliz troca de horário que a Sony fez no ano passado, quando ele ficou passando no mesmo horário que Law&Order: Criminal Intent, acabei perdendo os episódio finais e ainda estou me ambientando nesse clima mais negro que o seriado ganhou, com mais fantasmas mauzinhos que bonzinhos.

Poxa, até a esposa do professor foi parar do lado do mal, tudo porque ele não quis perdoá-la por ter tido um caso enquanto ainda estava viva. Aquele fantasma que se esconde nos arquivos da cidade também não é nada bonzinho.

E por que cargas d’água a mãe dela abandonou a cidade e tem tanto receio em contar o que aconteceu com ela em Grandview?

Confesso que gostei mais do primeiro episódio que do segundo, onde houve uma mistura de Ghost Whisperer com Supernatural ao falarem da lenda de Blood Mary, mas, ao contrário da mistura que aconteceu em Supernatural no ano passado, aqui a receita não funcionou tão bem.

Já em ER eu simpatizo cada vez mais com o novo chefe do pronto socorro. E fico mais feliz com a saída de Novac, pois parece que isso abriu espaço para Abby voltar a atuar como médico, deixando os montes de momentos fofos de lado. Já a saída de Ray ainda não me desceu, bem como a continuidade de Gates. Não adianta, não simpatizo com aquele projeto mal acabado de Dr. Ross.

Como já disse aqui, o segundo episódio de The Big Bang Theory foi muito melhor que o primeiro. As situações entre os nerds e a garota burra foram menos forçadas e a atuação deles mais natural. Se ela tomando banho no apartamento deles foi demais para mim, eles invadindo o apartamento para colocá-lo em ordem foi bem mais natural… Ou será que só eu acho isso? Meu marido disse que aquela cena fez com que ele lembrasse de mim… Não sei por que…

O segundo de Two And A Half Men serviu para que a mãe de Charlie desse um passeio. Ela estava hilária.  Já a participação da Janeane Garufallo me pareceu muito mal aproveitada. Será que ela aparece de novo? eu adoro a atriz desde que ela fez o papel de filha de Jamie e Paul Buckman em Mad About You.

‘Til Death é outro seriado de fãs reduzidos, eu entre eles. Mas o casal disfuncional (Ah, como eu adoro esses casais!) Eddie e Joy continuam me arrancando boas risadas. Logo no primeiro episódio Eddie acaba falando o que o irrita em Joy, mas ela também tinha coisinhas para falar sobre ele, e, é claro, ele não gosta. E Joy cantando então? Que é aquilo gente?

Psych tem sido ótimo.  E agora a Universal colocou horário de reprise, nos sábado às 18:00h. O meu episódio preferido até aqui foi o da escola, onde eles têm de descobrir quem será assassinado e quem será o assassino. Tá, o final com o cara de mais de 30 se passando por aluno foi meio absurdo, mas nem por isso menos divertido.

Bom, o segundo de Supernatural conseguiu ser ainda melhor que o primeiro. A cidadezinha com crianças malvadas que sugavam as próprias mães, creep!! Mas o menino Ben, que coisa! Cara, ele tem de ser filho do Dean! Ele tem o mesmo jeito, o mesmo gosto, e é a cara dele! Perfeito, não importa que a mãe dele negue até o fim.

E eu acho que seria uma virada legal ele ter um filho. Será que ele continuaria tão cool a respeito da morte se fosse verdade? E agora Sam tem uma demônia para ajudá-lo no enrosco que o irmão se meteu! E uma que sabe mais sobre sua família que ele mesmo! E uma que é uma gata, vamos admitir.

Sei que Supernatural não tem grande audiência lá fora, mas que merecia merecia. Pois não dá para falar mal de nada. Eles estão ótimos, as histórias são bem amarradas, os efeitos especiais passam longe de Charmed, o visual é sensacional e a trilha sonora perfeita (para mim, pelo menos).

Escrito por Simone Miletic

Formada em contabilidade, sempre teve paixão pela palavra escrita, como leitora e escritora. Acabou virando blogueira.

Escreve sobre suas paixões, ainda que algumas venham e vão ao sabor do tempo. As que sempre ficam: cinema, literatura, séries e animais.

7 Comentários


  1. Nossa, eu concordei com td o que vc falou. Sobre a mistura de Ghost Wispherer e Supernatural, sobre a saída de Luka e vontade de bater no Gates, sobre The Big Bang Theory e ‘til death e sobre o mini-Dean. Sério!!

    Responder

  2. Desse acima…..só assisto ER; E concordo com o que vc falou…..sempre comento com o Thiago do Teleseries sobre eu detestar o personagem do Gates……….Bom domingo…..

    PS – Bones eu parei no 04 episodio……..vou tentar assistir o 05 e 06 amanhã.

    Responder

  3. E eu adorei Big Bang Theory! O 2º episódio foi muuuuito melhor do que o primeiro. A idéia de alguém se incomodar xom a bagunça que existe no ap do outro lado do corredor, a ponto de não conseguir dormir por saber que a bagunça está lá e uma maneira divertidissima de falar nas obsessões que nos acometem. Adorei!!!

    Responder

  4. Bem, como já disse em outro comentário, estou entre a meia dúzia (que com certeza é muito mais gente, já que está na terceira temporada) que assiste Ghost Whisperer.
    Quanto às mudanças, foram bem vindas, pois não dava mais para aguentar espírito que parece mauzinho e depois fica bonzinho.
    Deram a entender que o professor está meio apaixonado pela Melinda, se bem que trocar um marido lindo, compreensivo e fiel, por aquele professor chatinho, nem pensar!

    Responder

  5. Disso tudo, só vejo ER com frequência. As séries das 20h são praticamente impossíveis de serem acompanhadas. E sobre ER, acho que sou dos poucos que não me incomodam com Gates. Nem o ator, nem o personagem.

    Responder

  6. Eu faço parte dos que detestam Ghost Whisperer , Supernatural, Medium e outros do mesmo estilo. Esse tema está esgotado. Assim como esses superpoderes que invadiram as séries.

    Responder

  7. Eu e o meu primo simplesmente amamos Ghost Whisperer… e quanto ao horário, por que você não vê a reprise de um deles? A marca registrada da Sony é reprisar um monte de vezes um único episódio. Ghost Whisperer!!!! S2

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *