Bolo Peteleco de cobertura durinha

Bolo Peteleco é aquela herança de família: minha avó fazia, minhas tias faziam, minha mãe fazia e eu faço também. Desde sempre. Carol adora e já levou muito de lanche no formato cupcake. Eu gosto porque é aquele bolo gostoso que dificilmente não dá certo e tem sabor forte de chocolate, não é muito doce.

Claro que, por conta da filha, eu já cobri muitas vezes com brigadeiro, para deixar mais doce. Sem ele eu já comi muitas vezes com sorvete de creme – fica ótimo.

Mas depois de ter descoberto o segredo da cobertura durinha, aquela que a gente come com bolo cenoura e que nossas amigas juram saber fazer, mas a gente nunca acerta. Sabe qual é? Pois bem, outro dia descobri o segredo de um e, aha, todo bolo de chocolate aqui está sendo acompanhado dela – e aqui tem bolo de chocolate toda semana.

Claro que, na primeira vez em que a cobertura deu certo, ela foi parar no Instagram e desde então estou devendo a receita para minha amiga Patricia, do Comida Boa Muda Tudo.

Hora de pagar a dívida.

bolo peteleco

Bolo Peteleco

3 xícaras de farinha de trigo

1 xícara de chocolate em pó ou cacau (usei cacau da última vez, fica meio amargo)

2 xícaras de açúcar

1 colher de chá de fermento em pó

1 colher de chá de bicarbonato de sódio

2 ovos

1 xícara de óleo

2 xícaras de água fervente

– Misture todos os secos, de preferência usando uma peneira para deixar tudo bem soltinho;

– Acrescente os ovos e o óleo, misture novamente, bastante.

– Acrescente a água quente aos poucos, se não tiver feito o passo anterior direitinho corre o risco de cozinhar os ovos, cuidado.

– Tudo misturado coloque na assadeira e leve ao forno médio (200°), pré-aquecido, por 30 minutos ou até o palitinho sair sem sujeira.

Cobertura de Chocolate durinha

1 colher de sopa de manteiga

2 colheres de sopa de leite

1 colher de sopa de chocolate

1 xícara de açúcar

– Misture tudo direitinho e leve ao fogo baixo, BAIXO, mexendo sempre, até engrossar;

– Quer saber se chegou no ponto? O pulo do gato: quando você estiver mexendo e a colher começar a deixar um rastro atrás, em que você vê o fundo da panela, dê uma inclinada na panela. Se a cobertura vir rapidinho, juntinha, é porque você já pode desligar e jogar sobr eo bolo, fazendo um zigzag até preencher tudo.

Atacar.

 

Libertando livros – Feira de Livros Casa de Apoio da Luz Divina

Libertando livros - Feira de Livros Casa de Apoio da Luz Divina

O final de semana passado foi mais um de girar energia e retirar livros parados da estante. Achei engraçado, e…

Leia Mais

Uma lista de filmes pra recobrar a fé no mundo

Uma lista de filmes pra recobrar a fé no mundo

Minha categoria favorita de cinema: filmes doces que nos fazem ter fé de que o mundo não é um lugar…

Leia Mais

Da falta de gentileza…

Da falta de gentileza...

A Lu Monte publicou esse texto aqui sobre as grosserias do dia a dia e, puxa, é realmente fácil a…

Leia Mais

Das boas pessoas

Das boas pessoas

Eu tuitei essa mensagem hoje pela manhã, logo após uma reflexão que tinha acabado em um sorriso. Uma pessoa querida…

Leia Mais

Para as moças e moços da costura: Burda Expo 2015

Para as moças e moços da costura: Burda Expo 2015

Já imaginam a felicidade da moça aqui ao saber de um novo evento voltado para quem já costura ou para…

Leia Mais